sicnot

Perfil

Economia

Pilotos voltam às urnas esta semana para escolher direção do sindicato

A segunda volta das eleições para a direção do Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) arranca hoje, depois de nenhum dos três candidatos ter obtido mais de metade dos votos como exigem os estatutos.

Arquivo SIC

Os pilotos terão de escolher entre a lista F, liderada por Carlos Damásio, que obteve 46% dos votos, e a lista A, encabeçada por David Paes, que recolheu 40% dos 717 votos considerados válidos, de um total de 746.

De acordo com o Artigo 73.º dos Estatutos, não tendo qualquer lista obtido mais de metade dos votos validamente expressos, não se considerando como tal os votos em branco ou nulos, terá lugar uma segunda volta com as duas listas mais votadas, que se prolonga até sexta-feira, dia em que os resultados serão apurados.

No total, na primeira volta, houve 746 votos apurados, dos quais 717 validamente expressos.

Estas eleições foram convocadas na sequência da renúncia do presidente do SPAC, Manuel Santos Cardoso, eleito em outubro de 2014 para um mandato de dois anos, pouco depois da greve entre 1 e 10 de maio ter dividido a classe.

Em carta então enviada aos associados do SPAC , Santos Cardoso disse que os motivos da renúncia "pouco importam" e garantiu que nos cerca de seis meses em que liderou o SPAC deu o seu melhor, "em condições bastante adversas, (...) sem ceder a pressões externas, nem a interesses particulares".

Ao longo da sua presidência, a única vez que Santos Cardoso apareceu publicamente foi em entrevista à agência Lusa, na semana que antecedeu a greve de dez dias, para defender as razões dos pilotos.

A greve de dez dias acabou por ter um impacto aquém do antecipado pelo SPAC, tendo-se realizado cerca de 70% da operação da TAP nos dias da paralisação.

Lusa

  • Santana Lopes confirma buscas na Santa Casa da Misericórdia de Lisboa
    1:26

    País

    Pedro Santana Lopes confirmou esta quarta-feira a realização de buscas por parte da polícia judiária à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. O provedor da Santa Casa disse aos jornalistas que o processo está relacionado com suspeitas em compras efetuadas pela Misericórdia, situação que há dois anos já tinha sido objeto de inquérito interno.

  • Oposição aproveita debate quinzenal para questões sobre a CGD
    2:35

    Caso CGD

    A oposição aproveitou o debate quinzenal para questionar o primeiro-ministro sobre a polémica em torno da Caixa Geral de Depósitos. O CDS exigiu provas de António Costa para afirmar que as contas do banco foram maquilhadas e o PSD perguntou ao primeiro-ministro se não estranha a demissão de António Domingues quando este apresentou a declaração de rendimentos.

  • Turismo da Madeira investe mais de 3 milhões de euros no programa de festas
    2:22

    País

    A Madeira já vive a época de Natal. O turismo da região investiu mais de 3 milhões de euros no programa de festas de Natal e Fim de Ano para atrair os turistas. Os residentes e também turistas aproveitam para desfrutar do ambiente mágico proporcionado pelas tradicionais iluminações à mistura com as decorações e gastronomia típicas da quadra.

  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.