sicnot

Perfil

Economia

Portas em Luanda para o dia de Portugal na maior feira de Angola

​O vice-primeiro-ministro português, Paulo Portas, visita hoje a capital angolana, onde participa no dia de Portugal na Feira Internacional de Luanda (Filda), estando prevista ainda uma audiência na vice-presidência de Angola.

© Stringer . / Reuters

A Filda decorre até domingo, reunindo 800 expositores, de 40 países, dos quais 67 no pavilhão exclusivamente dedicado a Portugal, a maior representação nacional no evento, tal como em edições anteriores.

Durante a tarde, Paulo Portas marca presença junto da representação nacional nesta feira - que conta com 24 empresas expositoras estreantes -, no âmbito do dia dedicado pelo evento a Portugal.

Angola foi o quarto maior mercado de exportação de Portugal em 2014, com vendas de 3.175 milhões de euros, um crescimento de dois por cento face ao ano anterior.

Mais 9.400 empresas portuguesas venderam para Angola em 2014, mas a crise económica decorrente da quebra das receitas fiscais angolanas com o petróleo fez entretanto reduzir as exportações portuguesas para este país em mais de 20%, entre janeiro e maio deste ano.

No âmbito da visita a Luanda, o governante português deverá ser recebido em audiência pelo vice-presidente angolano, Manuel Vicente, pelas 12:00 (mesma hora em Lisboa).

Paulo Portas chega hoje a Luanda e deverá deixar a capital angolana ao final do dia.

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22