sicnot

Perfil

Economia

Défice das Administrações Públicas ultrapassou os 3,8 mil milhões de euros

O défice das Administrações Públicas ultrapassou os 3,8 mil milhões de euros, revelam os números da execução orçamental de junho. Ainda assim, e segundo o comunicado do Ministério das Finanças, trata-se de uma melhoria de 370 milhões face ao mesmo período do ano passado.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

Na administração central, a despesa cresceu 2,4% face a junho do ano passado, pressionada sobretudo pelos agravamento dos encargos com a dívida pública e dos gastos com as parcerias público privadas e com a área da Saúde. Também as despesas com pessoal subiram.

Ainda assim, a evolução da receita fiscal mais que compensou. Subiu 3,8%. Ao todo, o Estado arrecadou quase 17,8 mil milhões de euros em impostos, nos primeiros seis meses do ano.

O comunicado revela ainda que o saldo da Segurança Social quase duplicou, com excedente de mais de 900 milhões de euros em Junho.

  • Governo estima redução da sobretaxa de IRS de 3,5 para 2,8%
    1:16

    Economia

    O Governo anunciou esta sexta-feira que está a conseguir mais receitas fiscais do que o previsto e que, por isso, poderá devolver uma parte da sobretaxa de IRS cobrada ao longo deste ano. Neste momento, o Executivo estima uma redução de 3,5 para os 2,8%, ou seja, o crédito fiscal será na ordem dos 0,7% da sobretaxa. Isto porque, segundo o Ministério das Finanças, as receitas de IRS e de IVA cresceram 4,2% até junho, acima do que era esperado. O secretário de Estado dos Assuntos Fiscais não excluiu a hipótese de a devolução poder ser ainda maior, isto se as receitas fiscais continuarem acima do esperado. Paulo Núncio revela que, a partir de hoje, estará disponível no Portal das Finanças um simulador, que vai permitir a cada contribuinte acompanhar a evolução das receitas de IVA e IRS e perceber quanto pode receber de volta em crédito fiscal.

  • Encontrado corpo de mariscador desaparecido no Barreiro

    País

    O corpo do homem com cerca de 50 anos apareceu esta manhã junto ao Clube Naval do Barreiro, na mesma zona onde tinha desaparecido na noite deste sábado. A informação já foi confirmada à SIC pela Polícia Marítima, que adiantou que o corpo já foi levado para a morgue. O alerta foi dado por volta das 22:30 de ontem pelos companheiros de nacionalidade chinesa que estavam com a vítima na apanha de bivalves na margem sul do Tejo.

  • IPSS despejada nos Açores
    2:25

    País

    A IPSS Aurora Social, de Ponta Delgada, nos Açores, foi notificada pelo tribunal a abandonar a cozinha onde, há mais de 20 anos, fornece comida a quem mais precisa. A decisão judicial partiu de uma queixa dos moradores e põe em causa os postos de trabalho de 13 funcionárias, a maioria com deficiência. Há dois anos que a Secretaria Regional de Solidariedade Social dos Açores tenta encontrar uma alternativa à cozinha, que tem licença da câmara.

  • Pais revoltados com transporte de crianças do Mogadouro
    4:14

    País

    Os pais dos alunos de algumas aldeias de Mogadouro estão preocupados com a falta de segurança do transporte dos filhos para a escola, na sede de concelho. Os pais contestam o autocarro degradado, que avaria com frequência, e a falta de cintos de segurança em percursos rurais com dezenas de quilómetros.

  • Quer conhecer os cães mais feios do mundo?
    1:15
  • Líder do Daesh abatido durante fuga

    Daesh

    Um líder do Daesh e o assistente foram abatidos pela polícia iraquiana, em Mossul. A notícia é avançada pela agência EFE que esclarece que os dois homens terão sido mortos enquanto fugiam do Oeste para Este da cidade iraquiana através do rio Tigre.