sicnot

Perfil

Economia

Governo estima redução da sobretaxa de IRS de 3,5 para 2,8%

Governo estima redução da sobretaxa de IRS de 3,5 para 2,8%

O Governo anunciou esta sexta-feira que está a conseguir mais receitas fiscais do que o previsto e que, por isso, poderá devolver uma parte da sobretaxa de IRS cobrada ao longo deste ano. Neste momento, o Executivo estima uma redução de 3,5 para os 2,8%, ou seja, o crédito fiscal será na ordem dos 0,7% da sobretaxa. Isto porque, segundo o Ministério das Finanças, as receitas de IRS e de IVA cresceram 4,2% até junho, acima do que era esperado. O secretário de Estado dos Assuntos Fiscais não excluiu a hipótese de a devolução poder ser ainda maior, isto se as receitas fiscais continuarem acima do esperado. Paulo Núncio revela que, a partir de hoje, estará disponível no Portal das Finanças um simulador, que vai permitir a cada contribuinte acompanhar a evolução das receitas de IVA e IRS e perceber quanto pode receber de volta em crédito fiscal.

  • PS quer eliminar sobretaxa e repor salários até 2017
    2:46

    Economia

    O PS propõe eliminar a sobretaxa do IRS em dois anos e repor os salários da Função Pública na íntegra até 2017. O grupo de economistas a quem Antonio Costa encomendou uma espécie de programa económico apresentou hoje as proposta para a próxima legislatura. Entre muitas medidas, destaque para a redução da TSU dos trabalhadores já em 2016 e para um crédito fiscal para os trabalhadores com menores rendimentos.

  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC