sicnot

Perfil

Economia

PM admite que crédito fiscal pode mesmo concretizar-se em 2016

PM admite que crédito fiscal pode mesmo concretizar-se em 2016

Passos Coelho admite que o crédito fiscal prometido para o próximo ano deverá mesmo concretizar-se. O primeiro-ministro antecipa que o desconto na sobretaxa poderá rondar meio ponto percentual. As primeiras contas serão feitas esta tarde.

  • Oposição critica declarações de Passos Coelho
    2:23

    País

    Os partidos da oposição criticaram as declarações do primeiro-ministro, esta noite, em entrevista à TVI. Pedro Passos Coelho defende que o próximo governo deve ter maioria absoluta, seja com uma vitória da coligação PSD-CDS ou do Partido Socialista.Acrescentou ainda que sem uma maioria, podem falhar várias tentativas de formar governo. PS, PCP e BE são unânimes, dizem que Passos Coelho procurou negar a realidade do país.

  • Correia de Campos critica Passos por não ter apresentado propostas
    1:47

    Opinião

    A entrevista de Passos Coelho esteve em análise na Edição da Noite desta terça-feira, na SIC Notícias. Jorge Braga de Macedo destacou a empatia e a humildade com que o primeiro-ministro falou. Por outro lado, Correia de Campos criticou Passos Coelho por não ter apresentado medidas de governação concretas.

  • Um homem de 83 anos é a 42.ª vítima dos incêndios
    1:27

    País

    Subiu para 42 o número de vítimas mortais nos incêndios deste domingo. Um homem de 83 anos foi encontrado sem vida em Lugar de Covelo, em Vouzela. O número de feridos mantém-se, 14 estão em estado grave. A maior parte das mortes aconteceu no distrito de Coimbra (20) e Viseu (19). Segundo a Proteção Civil, já não há desaparecidos. Sete pessoas estavam dadas como desaparecidas e apenas uma foi encontrada sem vida. Um bebé de poucos meses tinha sido dado como morto, mas foi encontrado com vida.

  • Um pedido de desculpas aos portugueses e um ultimato ao Governo
    3:21
  • Vouzela tenta regressar à normalidade, 8 pessoas morreram no concelho
    2:28

    País

    No concelho de Vouzela, a população começa a voltar à normalidade. Aos poucos a luz e a água estão a voltar e as pessoas começam a ganhar forças para reconstruir aquilo que lhes foi tirado pelos fogos. No entanto, as feridas demoram a sarar e não será fácil esquecer que 80 a 90 por cento deste concelho foi destruído pelos incêndios e oito pessoas morreram.

  • Material de guerra de Tancos encontrado, faltam munições
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • Madrid admite suspender autonomia da Catalunha
    1:51
  • Alemanha já tem uma versão de Donald Trump... em cera
    1:08