sicnot

Perfil

Economia

Julho foi o pior mês da bolsa chinesa desde 2009

Julho foi o pior mês dos últimos seis anos para a bolsa chinesa. A praça de Xangai perdeu mais de 14 por cento.

O Governo chinês e as autoridades reguladoras tomaram várias medidas extraordinárias, mas entre os investidores há o receio de que possam não ser suficientes para travar mais quedas.

O Governo chinês e as autoridades reguladoras tomaram várias medidas extraordinárias, mas entre os investidores há o receio de que possam não ser suficientes para travar mais quedas.

© China Daily China Daily Infor

Depois de ter arrancado a semana com a maior queda diária desde 2007, a queda foi, esta sexta-feira, mais ligeira, rondando 1%.

Os mercados chineses têm estado no centro das preocupações dos investidores. Depois de uma valorização de 150% no último ano, há receios de que esteja a rebentar uma bolha especulativa.

O Governo chinês e as autoridades reguladoras tomaram várias medidas extraordinárias, mas entre os investidores há o receio de que possam não ser suficientes para travar mais quedas.

  • Um pedido de desculpas aos portugueses e um ultimato ao Governo
    3:21
  • Vouzela tenta regressar à normalidade, 8 pessoas morreram no concelho
    2:28

    País

    No concelho de Vouzela, a população começa a voltar à normalidade. Aos poucos a luz e a água estão a voltar e as pessoas começam a ganhar forças para reconstruir aquilo que lhes foi tirado pelos fogos. No entanto, as feridas demoram a sarar e não será fácil esquecer que 80 a 90 por cento deste concelho foi destruído pelos incêndios e oito pessoas morreram.

  • Material de guerra de Tancos encontrado, faltam munições
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • Madrid admite suspender autonomia da Catalunha
    1:51
  • Alemanha já tem uma versão de Donald Trump... em cera
    1:08