sicnot

Perfil

Economia

Petrobras recebe de volta 18,36 milhões de euros desviados em subornos sobre contratos

A Petrobras anunciou ter recebido esta sexta-feira 69 milhões de reais (18,36 milhões de euros) devolvidos de contas bancárias na Suíça, após terem sido desviados com subornos recebidos por um ex-administrador sobre contratos da empresa.

No último mês de maio, a Petrobras recebeu 157 milhões de reais (41,77 milhões de euros) relativos a subornos desviados de contratos. (Arquivo)

No último mês de maio, a Petrobras recebeu 157 milhões de reais (41,77 milhões de euros) relativos a subornos desviados de contratos. (Arquivo)

Leo Correa / AP

Outros 17,9 milhões de reais (4,76 milhões de euros) também já foram repatriados das contas do ex-administrador da Petrobras Pedro Barusco, mas continuam à disposição da Justiça para indenizar outras possíveis vítimas que sejam identificadas até o fim do processo.

A devolução do dinheiro à Petrobras foi oficializada num evento no Rio de Janeiro, com a presença do presidente da empresa, Aldemir Bendine, que afirmou que a companhia tem a confirmação de que irá receber mais um montante da repatriação, cujo valor ainda está a ser calculado.

No último mês de maio, a Petrobras recebeu 157 milhões de reais (41,77 milhões de euros) relativos a subornos desviados de contratos.

A empresa estima que as perdas com corrupção cheguem a 6.200 milhões de reais (1.650 milhões de euros) e Bendine afirmou ter a expetativa de recuperar todo esse valor.

Lusa

  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.