sicnot

Perfil

Economia

Taxas Euribor estáveis a três e nove meses e a cair a seis e 12 meses

As taxas Euribor voltaram a manter-se esta terça-feira inalteradas em mínimos históricos a três e nove meses, mas desceram a seis e 12 meses em relação a segunda-feira.

(Arquivo)

(Arquivo)

Reuters

A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação, foi hoje fixada em 0,048%, menos 0,001 pontos do que na segunda-feira e atual mínimo, verificado pela primeira vez a 2 de junho passado.

No mesmo sentido, no prazo de doze meses, a Euribor foi fixada em 0,164%, menos 0,002 pontos do que na segunda-feira e depois de ter descido a 02 de junho até 0,158%, o atual mínimo de sempre.

A Euribor a três meses, em terreno negativo desde 21 de abril passado, voltou a manter-se hoje, pelo quarto dia consecutivo, em -0,023%, atual mínimo histórico registado pela primeira vez a 30 de julho.

A nove meses, a Euribor também foi fixada de novo em 0,098%, atual mínimo histórico, registado pela primeira vez a 28 de maio passado.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.

Lusa

  • Hoje é notícia

    País

    A Direção-Geral do Orçamento divulga a síntese de execução orçamental em contas públicas do primeiro trimestre, sendo que o Governo pretende reduzir o défice para 0,7% do PIB em contabilidade nacional em 2018. O secretário-geral do PS, António Costa, apresenta a moção de orientação política que irá levar ao congresso do partido, marcado para maio. O BCE deverá deixar as taxas de juro inalteradas na reunião de política monetária de hoje, em Frankfurt.

  • O portal onde pode consultar certidões e outros documentos sem sair de casa
    7:37
  • Presidente da Comunidade de Madrid demite-se depois da divulgação de vídeo de roubo
    1:27