sicnot

Perfil

Economia

Taxas Euribor sobem a seis e nove meses, descem a doze e mantêm-se a três meses

As taxas Euribor subiram hoje a seis e a nove meses, desceram a 12 meses e mantiveram-se a três meses em relação a sexta-feira.

A taxa Euribor a seis meses, a mais utilizada em Portugal nos créditos à habitação, foi hoje fixada em 0,048%, depois de ter na sexta-feira se ter situado num novo mínimo histórico nos 0,046%.

A nove meses, a Euribor subiu para 0,099%, acima do mínimo histórico de 0,098% de sexta-feira e registado pela primeira vez a 28 de maio passado.

A Euribor a três meses, em terreno negativo desde 21 de abril passado, manteve-se hoje em -0,024%, atual mínimo histórico registado pela primeira vez a 05 de agosto.

No prazo de doze meses, a Euribor caiu para 0,162%, depois de ter descido a 02 de junho até 0,158%, o atual mínimo de sempre.

As Euribor são fixadas pela média das taxas às quais um conjunto de 57 bancos da zona euro está disposto a emprestar dinheiro entre si no mercado interbancário.

Lusa

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.