sicnot

Perfil

Economia

Airbus fecha a maior encomenda da história da empresa

A Airbus fechou hoje a maior encomenda da história da empresa. A companhia aérea indiana IndiGo, a maior do país, vai comprar 250 aviões do modelo A320 Neo à empresa aeronática europeia.

Mel Evans

A encomenda vale mais de 24 mil milhões de euros. O pedido foi feito em outubro do ano passado e foi confirmado hoje. A Airbus tem agora 4.100 aviões deste modelo para entregar a várias companhias aéreas de todo o Mundo.

  • Avião elétrico da Airbus atravessou pela primeira vez o Canal da Mancha
    0:20

    Mundo

    O avião elétrico da Airbus atravessou pela, primeira vez, o Canal da Mancha. O bimotor descolou de Lydd, em Inglaterra, e aterrou na cidade francesa de Calais. O percurso de 74 quilómetros foi executado em 37 minutos. Foi mais uma viagem de teste da nova aposta da Airbus. O E-Fan, com apenas dois lugares, move-se exclusivamente a energia elétrica e está a servir de modelo para a fabricação de novos aviões comerciais menos poluentes.

  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marcelo diz que é hora de valorizar o poder local
    0:40

    País

    O Presidente da República diz que este é o momento para valorizar o poder local. Sobre a descida da Taxa Social Única, Marcelo Rebelo de Sousa recusou comentar e negou que haja crispação politica entre Governo e oposição.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.