sicnot

Perfil

Economia

Autarca de Peniche garante que há margem para alargar captura da sardinha

Autarca de Peniche garante que há margem para alargar captura da sardinha

Vários autarcas do litoral do país e representantes dos pescadores do cerco insistem no apelo ao Governo para que seja alargado o prazo para a captura da sardinha. É o resultado de uma reunião que decorreu durante toda a manhã em Peniche. O apelo foi repetido pela voz do presidente da Câmara de Peniche, António José Correia.

Em causa estão as quotas da sardinha que já acabaram para uma das 11 organizações de produtores. Assim, 24 embarcações de Peniche e Nazaré estão a partir deste sábado proibidas de apanhar sardinha.

A proibição pode mesmo ser alargada já nas próximas semanas às restantes embarcações dos outros portos do país.

Os pescadores pedem um aumento das quotas ou um alargamento do prazo para minimizar as dificuldades. A sardinha é a principal fonte de sustento e as outras espécies como a cavala ou o carapau não chegam para garantir o rendimento dos pescadores.

No final da reunião desta manhã entre autarcas e representantes dos pescadores, o presidente da Câmara de Peniche criticou a intransigência do Governo. António José Correia voltou a pedir que a ministra da Agricultura alargue o prazo para a captura da sardinha. O autarca de Peniche garante que há margem para isso.

  • Sporting de Braga eliminado da Liga Europa
    2:01
  • Prémio Pessoa 2016 hoje anunciado em Sintra

    País

    O Prémio Pessoa 2016, que distingue uma personalidade que tenha tido uma "intervenção particularmente relevante e inovadora na vida artística, literária ou científica" no país, é anunciado hoje, às 12:00, no Palácio de Seteais, em Sintra.