sicnot

Perfil

Economia

Autarca de Peniche garante que há margem para alargar captura da sardinha

Autarca de Peniche garante que há margem para alargar captura da sardinha

Vários autarcas do litoral do país e representantes dos pescadores do cerco insistem no apelo ao Governo para que seja alargado o prazo para a captura da sardinha. É o resultado de uma reunião que decorreu durante toda a manhã em Peniche. O apelo foi repetido pela voz do presidente da Câmara de Peniche, António José Correia.

Em causa estão as quotas da sardinha que já acabaram para uma das 11 organizações de produtores. Assim, 24 embarcações de Peniche e Nazaré estão a partir deste sábado proibidas de apanhar sardinha.

A proibição pode mesmo ser alargada já nas próximas semanas às restantes embarcações dos outros portos do país.

Os pescadores pedem um aumento das quotas ou um alargamento do prazo para minimizar as dificuldades. A sardinha é a principal fonte de sustento e as outras espécies como a cavala ou o carapau não chegam para garantir o rendimento dos pescadores.

No final da reunião desta manhã entre autarcas e representantes dos pescadores, o presidente da Câmara de Peniche criticou a intransigência do Governo. António José Correia voltou a pedir que a ministra da Agricultura alargue o prazo para a captura da sardinha. O autarca de Peniche garante que há margem para isso.

  • Passos Coelho pede desculpa aos portugueses
    3:35
  • População afetada pelo fogo tenta repor o que as chamas destruíram
    1:54
  • "Juntos por Todos" hoje no palco em Lisboa
  • Glifosato na lista de produtos cancerígenos na Califórnia

    Mundo

    O estado norte-americano da Califórnia, nos Estados unidos, pode vir a obrigar o fabricante do popular herbicida Roundup a comercializar o produto com um rótulo que informe os consumidores de que o produto é cancerígeno. O glifosato, princípio ativo do herbicida Roundup fabricado pela Monsanto, consta de uma lista que vai ser divulgada na Califórnia, a 7 de julho, de produtos químicos potencialmente cancerígenos.

  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.