sicnot

Perfil

Economia

Bolsas europeias em queda penalizadas pelo mercado asiático

As principais praças financeiras da Europa abriram hoje em forte baixa, penalizadas pelo desempenho das congéneres asiáticas devido sobretudo às fortes perdas na bolsa de Xangai, que hoje sofreu a maior queda em oito anos. A Rússia também está a ser afetada.

© Olivia Harris / Reuters

A bolsa de Lisboa liderava as perdas na Europa, com o PSI20 a cair 4,01% até aos 5.076,18 pontos. Seguia-se o índice alemão DAX 30, que "afundava" 3,24% na abertura até aos 9.796,37 pontos.

As praças de Madrid, Londres e Paris também abriram em forte baixa, com os respetivos índices a registarem quedas de quase 3%.

Rublo atinge valor mais baixo do ano, bolsa de Moscovo com perdas superiores a 4%

A moeda russa caiu hoje para o valor mais baixo de 2015, com o euro a passar simbolicamente a barreira do 80 rublos, enquanto o índice de referência da bolsa de Moscovo abriu com perdas superiores a 4%, penalizada pelo desempenho dos mercados asiáticos.

O euro ultrapassou o patamar de 80 rublos pela primeira vez desde meados de dezembro, atingindo 80,99 contra os 78,80 rublos de sexta-feira.

O dólar subiu para 70,69 rublos contra os 68,21 antes do fim de semana.

O índice de referência da bolsa de Moscovo, o RTS, cotado em dólares, caiu 4,21%, enquanto o Micex (em rublos) cedeu 1,76%.

Com Lusa

  • Novo Banco vai reestruturar dívida de Luís Filipe Vieira
    1:22

    Desporto

    O Novo Banco vai reestruturar parte da dívida da empresa de Luís Filipe Vieira, que ronda os 400 milhões de euros. Parte dos ativos da empresa foram transferidos para um fundo para serem rentabilizados no prazo de cinco anos. Esse fundo está a ser gerido pelo vice-presidente do Benfica.

  • Dono de fábrica que ardeu na Anadia diz que produção não vai ser afetada
    2:04
  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Tragédia em Vila Nova da Rainha aconteceu há uma semana
    7:18
  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52