sicnot

Perfil

Economia

Operação da Lufthansa regressa à normalidade na quinta-feira

A operação da companhia aérea alemã Lufthansa deverá retomar a normalidade na quinta-feira, depois do Tribunal do Trabalho ter hoje suspendido a greve dos pilotos, que levou ao cancelamento de 1.000 voos, com efeito imediato.

Greve na Lufthansa cancela todos os voos entre Frankfurt e Portugal.

Greve na Lufthansa cancela todos os voos entre Frankfurt e Portugal.

© Kai Pfaffenbach / Reuters

O Sindicato dos Pilotos suspendeu hoje a greve iniciada na terça-feira na Lufthansa, depois do tribunal ter admitido a queixa apresentada na véspera pela companhia aérea alemã, por considerar que os objetivos do projeto não estão relacionados com o acordo coletivo de trabalho, confirmou fonte oficial da companhia à Lusa.

Entretanto, a Lufthansa cancelou 1.000 voos, o que afetou cerca de 140.000 passageiros.

O segundo dia da greve dos pilotos da Lufthansa, o 13º. Desde abril de 2014, paralisou hoje pequenos aeroportos e criou longas filas de espera nos aeroportos de Frankfurt e de Munique.

No centro do conflito estão os planos da companhia para mudar as regras de pré-reforma de 5.400 pilotos, bem como a futura estrutura da transportadora, na qual o sindicato teme uma deslocalização sistemática de postos de trabalho.

Lusa

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.

  • Presidente do Brasil formalmente acusado de corrupção

    Mundo

    O Procurador-Geral da República do Brasil apresentou na noite de segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal uma denúncia contra o Presidente Michel Temer e o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) pelo crime de corrupção passiva.

  • Reconquista de Mossul ao Daesh pode estar para breve
    1:27
  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.