sicnot

Perfil

Economia

Crédito ao consumo aumenta 26,1% em julho

O crédito ao consumo cresceu 26,1% em julho de 2015 face ao mesmo mês do ano passado, representando cerca de 435,8 milhões de euros, divulgou hoje o Banco de Portugal (BdP).

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

De acordo com os dados relativos à evolução dos novos créditos aos consumidores, os montantes envolvidos aumentaram 6,5% de junho para julho deste ano, passando de 409,4 milhões de euros para os 435,8 milhões.

Por tipo de contrato de crédito, o crédito automóvel voltou a representar em julho o maior aumento de novos empréstimos concedidos perante o ano passado: o crédito automóvel com reserva de propriedade e outros (novos) subiu 50,6%, representando 39,7 milhões de euros.

No crédito pessoal, nos contratos sem finalidade específica, lar, consolidado e outras finalidades, foi registada uma subida de 16,2% em julho face ao mês homólogo de 2014, para 179,7 milhões de euros, segundo o BdP.

Os contratos de crédito pessoal com finalidade de educação, saúde, energias renováveis e locação financeira de equipamentos aumentaram 13,5% em termos homólogos para um total de 1,8 milhões de euros.

Quanto aos novos contratos referentes a cartões de crédito, linhas de crédito, contas correntes bancárias e facilidades de descoberto, houve um aumento de 23,8% em julho deste ano face ao mês homólogo, para 86,8 milhões de euros.

Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.