sicnot

Perfil

Economia

Crédito ao consumo aumenta 26,1% em julho

O crédito ao consumo cresceu 26,1% em julho de 2015 face ao mesmo mês do ano passado, representando cerca de 435,8 milhões de euros, divulgou hoje o Banco de Portugal (BdP).

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

De acordo com os dados relativos à evolução dos novos créditos aos consumidores, os montantes envolvidos aumentaram 6,5% de junho para julho deste ano, passando de 409,4 milhões de euros para os 435,8 milhões.

Por tipo de contrato de crédito, o crédito automóvel voltou a representar em julho o maior aumento de novos empréstimos concedidos perante o ano passado: o crédito automóvel com reserva de propriedade e outros (novos) subiu 50,6%, representando 39,7 milhões de euros.

No crédito pessoal, nos contratos sem finalidade específica, lar, consolidado e outras finalidades, foi registada uma subida de 16,2% em julho face ao mês homólogo de 2014, para 179,7 milhões de euros, segundo o BdP.

Os contratos de crédito pessoal com finalidade de educação, saúde, energias renováveis e locação financeira de equipamentos aumentaram 13,5% em termos homólogos para um total de 1,8 milhões de euros.

Quanto aos novos contratos referentes a cartões de crédito, linhas de crédito, contas correntes bancárias e facilidades de descoberto, houve um aumento de 23,8% em julho deste ano face ao mês homólogo, para 86,8 milhões de euros.

Lusa

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.