sicnot

Perfil

Economia

HP prevê dispensar até 30.000 trabalhadores para reduzir gastos

O grupo tecnológico HP anunciou hoje a intenção de dispensar até 30.000 empregados com o objetivo de reduzir gastos de cerca de 2.700 milhões de dólares (cerca de 2.389 milhões de euros).

PAUL SAKUMA

O anúncio da tecnológica com sede em San José, Califórnia (Estados Unidos), foi feito em comunicado, depois de uma reunião dos diretores da HP com analistas de mercado, onde foram avançados detalhes da estratégia do grupo e atualizadas as perspetivas financeiras.

O grupo tecnológico tem vindo a fazer uma reestruturação desde o ano passado, altura em que anunciou a intenção de dispensar cerca de 50.000 trabalhadores, aos quais se soma a diminuição entre 25.000 e 30.000 empregos anunciados hoje.

Há quase um ano, a 06 de outubro, a HP informou que se iria dividir em duas empresas: a HP Inc, que assume as funções relativas aos computadores pessoais e impressoras, e a Hewlett Packard Enterprise, que fica com os serviços informáticos para empresas.

O mercado espera que esta divisão esteja concluída em novembro deste ano.

A Hewlett Packard Enterprise será cotada em bolsa, com o símbolo HPE.

"A Hewlett Packard Enterprise será mais pequena e mais focada no que a HP é hoje em dia", afirmou a presidente e conselheira-delegada do grupo HP, Meg Whitman.

Está previsto que Whitman fique à frente da divisão de serviços para as empresas, enquanto Dion Weisler ficará a liderar o negócio de computadores pessoais, portáteis e impressoras.

A HP adianta que a divisão de serviços empresariais irá gerar receitas anuais de 50.000 milhões de dólares (44.241 milhões de euros, à taxa de câmbio atual).

Lusa

  • Autarca garante que não houve "touros de fogo"

    País

    O presidente da Câmara de Benavente disse esta segunda-feira à Lusa que a atividade "touros de fogo" foi retirada do programa da Festa da Amizade depois de recebido um parecer desfavorável da Direção-Geral de Veterinária.

  • Presidente do Brasil formalmente acusado de corrupção

    Mundo

    O Procurador-Geral da República do Brasil apresentou na noite de segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal uma denúncia contra o Presidente Michel Temer e o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) pelo crime de corrupção passiva.

  • Reconquista de Mossul ao Daesh pode estar para breve
    1:27
  • Homem fala ao telefone com o filho que pensava estar morto

    Mundo

    Um norte-americano que tinha estado presente no funeral do filho recebeu, 11 dias depois, uma chamada telefónica de um homem que o pôs em contacto... com o filho que havia enterrado semana e meia antes. Tudo por causa de um erro do gabinete de medicina legal.