sicnot

Perfil

Economia

Privatização da CP Carga e subconcessão da Carris e Metro assinadas na próxima semana

O secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações, Sérgio Monteiro, afirmou que a privatização da CP Carga e a subconcessão da Carris e do Metro vão ser assinadas na próxima semana.

(Arquivo)

(Arquivo)

Sérgio Monteiro referiu que os dois processos vão ficar assinados antes do final da legislatura, seguindo depois os "trâmites administrativos" normais para os casos.

"A privatização da CP Carga terá o acordo de compra e venda assinado na segunda-feira e subconcessão do Metro e Carris será assinada na quarta-feira. Ficam os processos assinados e depois seguem-se os trâmites administrativos, com a subconcessão a ser enviada para o Tribunal de Contas e privatização para a Autoridade da Concorrência", afirmou, à margem da assinatura do Consórcio 'ViaLisboa', que decorreu no Barreiro.

A MSC Rail - Operadores Ferroviários, que o Governo anunciou ter vencido a corrida à privatização da CP Carga, é uma participada da MSC Portugal, pertencente ao gigante mundial MSC - Mediterranean Shipping Company, um dos maiores armadores mundiais.

A MSC Rail (Portugal - Operadores Ferroviários, SA) foi criada em dezembro de 2012 pela MSC Portugal para fazer o transporte ferroviário de contentores entre o porto de Sines e os terminais do Entroncamento (da MSC) e da Bobadela, até então feitos pela CP, o que permitiu à empresa consolidar a sua posição de líder na tabela nacional por volume de contentores.

Atualmente, um dos principais clientes da CP Carga, a MSC - Operadores Ferroviários foi um dos três candidatos à privatização da CP Carga - juntamente com a Atena Equity Partners SCR, S.A. e a Cofihold Sociedade Gestora de Participações Sociais, S.A. - que passaram à fase de negociações com o Governo e foi anunciada como a vencedora no processo.

Em junho passado, o Governo anunciou que o grupo espanhol Avanza venceu o concurso para subconcessão da Carris e do Metro de Lisboa, garantindo que a operação vai implicar uma poupança anual para o Estado superior a 25 milhões de euros e mais de 215 milhões de euros durante o período de concessão, que é de oito anos.

Lusa

  • "Já só lhes resta uma coisa: bisbilhotar comunicações privadas"
    2:57

    Caso CGD

    O primeiro-ministro diz que o PSD atingiu o grau zero da política, quando chegou à "bisbilhotice" de querer ver as mensagens trocadas entre o ministro das Finanças e António Domingues. A polémica da Caixa Geral de Depósitos voltou a marcar o debate quinzenal, com António Costa a garantir que nunca esteve em causa a entrega de declarações da administração. Já o PSD e o CDS a acusaram o Governo de violar as regras da transparência e de oprimir os direitos da oposição.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.