sicnot

Perfil

Economia

Balança de operações correntes da zona euro com excedente de 22,6 mil M€ em julho

A balança de operações correntes da zona euro registou em julho um excedente de 22,6 mil milhões de euros, face aos 16,5 mil milhões do período homólogo e aos 29,9 mil milhões de junho, segundo o Eurostat.

Reuters/ Arquivo

Já no conjunto da União Europeia (UE), a balança de operações correntes registou um excedente de 12,0 mil milhões de euros, que compara com 4,6 mil milhões do período homólogo e 14,6 mil milhões de junho.

De acordo com o gabinete oficial de estatísticas da UE, em julho, o excedente da conta de bens dos países da moeda única aumentou para 26,9 mil milhões de euros, quer face aos 19,5 mil milhões do período homólogo, quer na comparação com os 26,6 mil milhões de junho.

Já a conta de serviços viu o seu excedente contrair de 5,6 mil milhões em junho para 3,6 mil milhões em julho, tendência também verificada na comparação homóloga, quando o saldo foi de 5,5 mil milhões positivos.

No que respeita às contas primárias, o excedente aumentou para os 2,8 mil milhões, face aos 2,6 mil milhões do mês homólogo e aos 1,2 mil milhões de junho.

O défice da conta de receitas secundárias agravou-se para os -10,7 mil milhões de euros, face aos -8,4 mil milhões de euros registados em março, mas recuando na comparação com os -11,1 do mês homólogo.

Lusa

  • Madrid suspende governo regional da Catalunha

    Mundo

    O chefe do Governo espanhol anunciou hoje que decidiu acionar o artigo 155º da Constituição espanhola e pedir ao Senado a suspensão das funções do governo regional da Catalunha. Em conferência de imprensa justificou a adoção das medidas dada a "desobediência rebelde, sistemática e consciente" do Governo regional (Generalitat).

    Em atualização

  • Manifestações contra os incêndios um pouco por todo o país
    1:33

    País

    Estão marcadas para esta tarde várias manifestações contra os incêndios e as políticas florestais, mas também de homenagem às vítimas dos fogos que arrasaram o país. As iniciativas de protesto são quase todas organizadas através das redes sociais e por grupos de cidadãos.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.