sicnot

Perfil

Economia

Soflusa com três carreiras extraordinárias entre Barreiro e Lisboa em dia de greve

A Soflusa está a reforçar hoje, desde as 07:10, a ligação entre o Barreiro e Lisboa, com três navios até às 09:30, hora em que termina a greve parcial dos trabalhadores da empresa.

Fonte oficial da empresa adiantou à agência Lusa que a empresa reforçou o período de greve com três carreiras às 07:10, 07:55 e 08:45, para além dos serviços mínimos que a Soflusa está a cumprir.

A mesma fonte disse que a empresa espera retomar as ligações às 09:30, hora em que termina a greve parcial.

A paralisação de três horas por turno, que começou na segunda-feira e que termina hoje, afeta, em particular, as horas de ponta no período da manhã e da tarde.

De acordo com a empresa, estavam previstas duas carreiras no sentido Barreiro/Lisboa pelas 05:15 e 06:15, devido aos serviços mínimos decretados pelo tribunal arbitral, com as ligações a estarem paradas até às 09:30.

No período da tarde, os barcos param pelas 17:35 e apenas serão retomadas pelas 21:45.

No sentido Lisboa/Barreiro também se vão realizar duas carreiras decretadas pelos serviços mínimos, às 05:45 e 06:40. As ligações serão depois retomadas pelas 10:55. No período da tarde, os barcos vão parar entre as 18:00 e as 22:15.

Os trabalhadores da empresa, que já cumpriram na semana passada dois dias de greve parcial, exigem uma revisão da massa salarial.

A Soflusa, integrada na Transportes de Lisboa, juntamente com o Metro, Carris e Transtejo, tem cerca de 170 trabalhadores.

  • Montenegro nunca será candidato contra Passos
    0:50
  • Dijsselbloem não comenta hipótese de ser substituído por Mário Centeno
    2:41

    Mundo

    Jeroen Dijsselbloem diz que cabe ao Governo português avançar com o nome de Mário Centeno para a presidência do Eurogrupo, mas não comenta a sondagem que foi feita ao ministro das Finanças português. Ouvido esta quinta-feira no Parlamento Europeu, o Presidente do Eurogrupo esteve no centro das críticas e reafirmou que não se demite.