sicnot

Perfil

Economia

Taxa de desemprego subiu para 12,4% em agosto

A taxa de desemprego em agosto ficou-se nos 12,4%, mais uma décima do que em julho, revelou hoje o Instituto Nacional de Estatística.

"A estimativa provisória da taxa de desemprego para agosto de 2015 situa-se em 12,4%, valor superior em 0,1 pontos percentuais [p.p.] à estimativa definitiva obtida para julho de 2015", refere o gabinete de estatísticas.

A taxa provisória estimada para julho era de 12,1%, mas a taxa definitiva aumentou para os 12,3%, tendo-se assim mantido inalterada face ao mês anterior e interrompendo a tendência decrescente que se registava desde fevereiro.

Os valores referentes a agosto são provisórios, uma vez que se trata de um trimestre móvel em que para os dois primeiros meses [julho e agosto] a recolha da informação do inquérito ao emprego já foi concluída e para o terceiro mês [setembro] foi realizada uma projeção com base em modelos de séries temporais.

Segundo as estimativas, a taxa de desemprego das mulheres (de 12,7%) excedeu a dos homens (12,2%) em 0,5 p.p., com a primeira a aumentar 0,3 p.p. face ao mês anterior e a segunda a manter-se inalterada.

Já a taxa de desemprego dos jovens situou-se em 31,8% em agosto, aumentando 0,6 p.p. relativamente ao mês anterior, enquanto a taxa nos adultos subiu 0,1 p.p para 10,9%.

De acordo com o INE, "em agosto de 2015 a estimativa provisória da população desempregada foi de 633,0 mil pessoas, mais 4,8 mil do que no mês anterior (0,8%).

Segundo os dados hoje divulgados, houve um acréscimo na população desempregada de mulheres (2,2%; 6,9 mil), jovens (2,6%; 2,9 mil) e adultos (0,4%; 1,8 mil), mas no caso dos homens verificou-se uma diminuição de 2,1 mil pessoas desempregadas (0,7%) face ao mês anterior.

Já em julho, a estimativa definitiva da população desempregada, hoje divulgada, foi de 12,3%, mantendo-se inalterada face ao mês anterior "após os decréscimos consecutivos observados desde fevereiro de 2015".

Em relação à estimativa definitiva da população empregada, situou-se em 4.496,4 mil pessoas, mantendo-se praticamente inalterada em relação ao mês anterior.

Quanto à estimativa provisória de agosto da população empregada, foi de 4.462,2 mil pessoas, o que representa uma diminuição de 0,8% face ao mês anterior (34,2 mil).

Nestas estimativas foi considerada a população dos 15 aos 74 anos e os valores foram previamente ajustados de sazonalidade.

Com Lusa

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal Expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra Portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.