sicnot

Perfil

Economia

Estado terá sido lesado em mais de 100 milhões de euros pela Parvalorem

Há mais uma polémica em torno das contas da Parvalorem, a empresa pública que ficou com os ativos tóxicos do BPN. O Estado terá sido lesado em mais de 100 milhões de euros, em vésperas da venda ao BIC.

Em causa, a carteira de créditos problemáticos, que incluia vários nomes mediáticos do setor imobiliário. Terão sido reavaliados em 2012 antes da venda ao BIC, a pedido de um administrador que pouco depois passaria para os quadros do banco.

Ora com essa reavaliação, vários empréstimos viram o seu grau de risco diminuir. Na prática, o Estado saiu prejudicado, porque a Parvalorem ficou com créditos que na realidade valiam muito menos do que se pensava.

  • Troika nem sempre protegeu os mais vulneráveis, conclui avaliação do FMI

    Economia

    O organismo de avaliação independente do FMI concluiu que as medidas aplicadas pela troika em Portugal nem sempre protegeram as pessoas com menos rendimentos, apontando que a primeira preocupação do Fundo era a redução dos défices, apurou o gabinete independente de avaliação do Fundo Monetário Internacional (FMI),