sicnot

Perfil

Economia

Autoridade da Concorrência aprova venda da TAP

A Autoridade da Concorrência aprovou a venda da TAP ao consórcio Atlantic Gateway, de David Neeleman e Humberto Pedrosa. A decisão final do regulador é justificada num curto comunicado, onde argumenta que o negócio não coloca entraves à concorrência nos vários mercados onde a TAP opera.

A instabilidade laboral dos primeiros meses do ano justificam a quebra, assim como o fecho de algumas rotas.

A instabilidade laboral dos primeiros meses do ano justificam a quebra, assim como o fecho de algumas rotas.

© Paulo Whitaker / Reuters

É mais um passo para que a privatização seja concretizada.

Fica ainda a faltar a autorização da Autoridade Nacional da Aviação Civil, que deverá analisar um dos pontos mais polémicos do negócio: A questão do efetivo controlo da TAP depois da privatização.

As regras comunitárias impôem que a transportadora fique em mãos europeias. Humberto Pedrosa tem 51% do consórcio, mas o verdadeiro poder do português tem sido questionado.

  • Hoje, o Primeiro Jornal está em Leiria
    1:13
  • Segunda vaga de incêndios queimou 28 mil hectares
    1:09

    País

    A segunda vaga de fogos que assolou o país queimou 28 mil hectares do território nacional, em apenas cinco dias. Segundo o Sistema Europeu de Incêndios, a área ardida equivale a quase três concelhos de Lisboa.

  • Bigode de Salvador Dalí está intacto, às "10 para as 10"

    Cultura

    O corpo do pintor surrealista catalão foi ontem exumado no Teatro-Museo de Figueres, por ordem de um tribunal de Madrid, para um exame de determinação de paternidade de Pilar Abel, que alega ser filha do artista. O pintor que morreu há 28 anos foi embalsamado e mumificado pelo que o corpo continua preservado e o famoso bigode levantado.

  • Mulher do primeiro-ministro japonês "é uma mulher fantástica mas não fala inglês"
    0:35

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos falou pela primeira vez sobre o segundo encontro que manteve com Vladimir Putin, durante a Cimeira do G20, em Hamburgo. Donald Trump explica que a conversa com o Presidente russo resultou de uma troca de lugares durante um jantar. Trump ficou ao lado da mulher do primeiro-ministro japonês, que não saberia falar inglês, e Melania estava sentada ao pé do Presidente da Rússia, Vladimir Putin.

  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26