sicnot

Perfil

Economia

Crescimento da atividade privada desacelera na zona euro em setembro

A atividade privada desacelerou mais do que o inicialmente previsto em setembro, segundo a Markit, levantando mais preocupações face às perspetivas.

Segundo a empresa de serviços de informação financeira Markit, o PMI (Purchasing Managers Index) revisto da atividade desacelerou para 53,6 pontos em setembro, contra uma primeira estimativa de 53,9 pontos em setembro e 54,3 pontos em agosto, quase o valor mais alto em quatro anos.

Um índice PMI inferior a 50 pontos significa contração, enquanto um superior indica expansão da atividade.

Os analistas tinham saudado a estimativa do PMI para setembro, mas também se mostraram preocupados com a queda do PMI e advertiram que o Banco Central Europeu (BCE) provavelmente teria de acelerar o já massivo programa de estímulos caso a desaceleração se mantivesse.

o economista chefe da Markit, Chris Williamson, afirmou que estes dados sugerem que a economia da zona euro deverá crescer 0,4% no terceiro trimestre, o mesmo valor do registado no trimestre anterior.

"Contudo, o facto da economia não ter ganho velocidade no verão vai ser um desapontamento para o BCE, especialmente com a criação de emprego a cair para um mínimo de oito anos", adiantou Williamson.

  • Junta de Santa Maria Maior no centro de Lisboa contra despejos de idosos
    3:02
  • "Não há nenhuma meta com Bruxelas", garante Centeno no Parlamento
    0:57

    Economia

    O ministro das Finanças afirma que o Programa de Estabilidade é debatido em Lisboa e não em Bruxelas.Esta manhã, no Parlamento, Mário Centeno assegurou ainda que as metas são as mesmas com que se comprometeu no programa do Governo e garante que não há nenhuma meta acordada com Bruxelas.