sicnot

Perfil

Economia

Angola importou menos 65% da cerveja entre abril e junho

A importação de cerveja por Angola caiu quase 65 por cento no segundo trimestre do ano, face a 2014, sendo um dos produtos mais afetados pela conjuntura económica do país devido à crise da cotação internacional do petróleo.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

Entre abril e junho do ano passado, ainda antes de surgirem os primeiros efeitos da crise petrolífera, Angola importou 65.773 toneladas de cerveja, volume que no mesmo período de 2015 desceu para 23.280 toneladas, segundo informação do Conselho Nacional de Carregadores (CNC) compilados hoje pela Lusa.

A importação de bebidas, de acordo com dados do executivo angolano relativos a 2014, cifrava-se em cerca de 400 milhões de dólares (352 milhões de euros), mais de metade proveniente de exportações de empresas portuguesas, nomeadamente cerveja.

O grupo português Unicer anunciou na semana passada o encerramento da sua fábrica de refrigerantes Rical, de Santarém, devido a uma quebra estimada em 30% do mercado cervejeiro angolano, um dos principais destinos externos dos produtos da empresa.

Ainda segundo o mais recente boletim estatístico do CNC - instituto público tutelado pelo Ministério dos Transportes e que coordena as operações de comércio e transporte marítimo internacionais -, também a importação de água caiu fortemente neste período, quase 64%, para 3.330 toneladas.

O mesmo aconteceu com os sumos, cuja importação por Angola caiu 62,6%, para 8.013 toneladas.

Além da crise económica, financeira e cambial, a forte quebra nestes três segmentos, em que Angola era um dos mercados de forte aposta das exportações portuguesas, é explicada pelo aumento da capacidade de produção nacional, para ultrapassar as dificuldades de compras ao exterior, pela falta de divisas.

A crise faz-se sentir, embora de forma mais reduzida, nos vinhos, em que a importação angolana diminuiu neste período, para 21.349 toneladas (-17,63%).

O cimento hidráulico continua a ser o produto mais importado por Angola, apesar desse volume ter diminuído 28% no segundo trimestre do ano, com a entrada de 226.541 toneladas.

A importação de farinha de trigo subiu pouco mais de 1%, para 102.453 toneladas, enquanto que as compras de arroz desceram 4% e as das carnes caíram 28%.

No geral, segundo o CNC as importações angolanas registaram uma queda de 25,14%, para 1.897.249 toneladas de produtos diversos.

As importações angolanas - apenas de bens - continuam a ser lideradas a partir da China, apesar de ter vendido menos quase 50%, com 322.200 toneladas, seguida de Portugal, com 290.419 toneladas (- 22,32).

Lusa

  • Consumo de cerveja está a baixar
    2:28

    Economia

    A Associação Portuguesa de Produtores de Cerveja diz que as vendas da bebida sofreram uma quebra em 2014. Os dados apontam que o consumo per capita é de 46 litros, o valor mais baixo dos últimos 12 anos.

  • Marcelo lembra as consequências da demissão de Vítor Gaspar
    1:06

    Caso CGD

    O Presidente da República reitera que o assunto Caixa Geral de Depósitos está fechado. Em entrevista à TVI, Marcelo Rebelo de Sousa lembrou esta segunda-feira as consequências que a demissão de Vítor Gaspar, ministro das Finanças em 2013, provocou no sistema financeiro para justificar o facto de ter intervindo na polémica com as SMS trocadas entre Mário Centeno e António Domingues.

  • PSD e CDS admitem chamar António Costa à nova Comissão de Inquérito à CGD
    2:37

    Caso CGD

    PSD e CDS admitem chamar o primeiro-ministro à nova Comissão de Inquérito à CGD. Apesar de ser uma hipótese, a SIC sabe que os dois partidos ainda estão a definir o objeto do inquérito e, por isso, afirmam que é prematuro falar sobre eventuais audições. Seja como for, António Costa voltou esta segunda-feira a dizer que o assunto está encerrado.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42
  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne, capital da Austrália. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Pelo menos 18 detidos em protestos no Rio de Janeiro

    Mundo

    Pelo menos 18 pessoas foram esta segunda-feira detidas no Rio de Janeiro, Brasil, depois de confrontos com a polícia durante um protesto contra a privatização da empresa pública de saneamento, que serve o terceiro estado mais povoado do país.

  • O momento em que Kim Jong-nam terá sido envenenado
    1:21

    Mundo

    A investigação ao homicídio do meio-irmão do líder da Coreia do Norte no aeroporto da capital da Malásia está a provocar uma crise diplomática entre os dois países. Esta segunda-feira, um canal de televisão japonês divulgou imagens das câmaras de vigilância do aeroporto que alegadamente captam o momento em que Kim Jong-nam terá sido envenenado.

  • O atentado na Suécia inventado por Donald Trump
    2:12
  • Os ensaios para a maior festa do ano
    1:16

    Mundo

    Em contagem decrescente para o Carnaval, no Rio de Janeiro, já começaram os ensaios para a maior festa do ano. A noite de testes na avenida Marquês de Sapucaí conta com desfiles gratuitos.