sicnot

Perfil

Economia

Air France vai despedir perto de mil trabalhadores em 2016

A Air France vai despedir à volta de mil trabalhadores em 2016, no âmbito do plano de reestruturação social da transportadora aérea, disse hoje o presidente do Conselho de Administração do grupo Air France-KLM, Alexandre de Juniac.

Reuters/Arquivo

Reuters/Arquivo

© Jacky Naegelen / Reuters

O plano de reestruturação social da companhia aérea Air France foi anunciado a 05 de outubro e, de acordo com o gestor, "será lançado em 2016", informaram órgãos de comunicação social franceses.

Nesta primeira fase, os despedimentos abrangerão cerca de mil trabalhadores, estando previsto que todos os despedimentos sejam feitos por mútuo acordo, salientaram.

Alexandre de Juniac referiu, ainda, que o plano de reestruturação social prevê que sejam despedidos no total 2.900 trabalhadores nos próximos dois anos.

Nesta primeira fase, em 2016, o plano prevê que sejam despedidos cerca de mil trabalhadores, e em 2017 os restantes, segundo órgãos de comunicação social franceses, o que irá aumentar as tensões sociais na transportadora aérea.

Lusa

  • Primo de Sócrates já foi notificado
    1:48
  • Santana Lopes espera mais diálogo com António Costa
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes espera que o primeiro-ministro dialogue mais com o novo líder do PSD do que o que tem dialogado com Passos Coelho. O candidato à liderança dos social-democratas criticou ainda Rui Rio por ainda não se ter mostrado disponível para um debate.

  • Rui Rio defende o diálogo com todos os partidos
    0:37

    País

    Rui Rio defende o diálogo com todos os partidos com assento parlamentar e não apenas com o Governo. As declarações do candidato à liderança do PSD surgiram em resposta a António Costa que, em entrevista, disse que acredita que a relação com os social-democratas vai melhorar com a nova liderança.

  • Morreu o jornalista Pedro Rolo Duarte

    País

    Morreu Pedro Rolo Duarte. O jornalista tinha 53 anos e não resistiu a um cancro. Pedro Rolo Duarte estava internado nos cuidados paliativos do Hospital da Luz, em Lisboa. Trabalhou em imprensa, na rádio e na televisão.