sicnot

Perfil

Economia

Deco chumba conselhos para a reforma dos cinco maiores bancos

Os bancos falham nas recomendações aos clientes que procuram soluções de poupança para a reforma, detetou a Deco através de um estudo que envolveu 50 balcões das cinco principais instituições financeiras a operar em Portugal.

O estudo, que vai ser publicado na próxima edição da revista Proteste Investe, recorreu a um "cliente-mistério" de 40 anos que pediu, em setembro, sugestões de produtos para aplicar 5.000 euros para a reforma juntos dos balcões da Caixa Geral de Depósitos, BPI, Millenium BCP, Novo Banco e Santander Totta, em dez cidades.

Os bancos deveriam aconselhar a subscrição de um Plano Poupança Reforma (PPR) sob a forma de fundo com componente de ações ou optar por um fundo mobiliário misto ou de ações no caso de aceitação do risco, aconselhando ainda a aplicação de uma pequena parte em liquidez como fundo de emergência.

Mas todos sugeriram produtos desadequados, segundo a associação de defesa dos consumidores.

O conselho mais comum foi um depósito normal, cujas taxas de rendimento atuais são de zero ou próximas de zero, o que leva a DECO a considerar tal recomendação "no mínimo, desastrosa", para um investidor com 40 anos.

Outro erro detetado pela Deco foi a sugestão de colocar o dinheiro em produtos financeiros complexos que podem ter ações, matérias-primas ou índices bolsistas e "exigem um bom conhecimento do perfil do cliente", de acordo com as diretivas comunitárias.

O BPI foi o banco que mais vezes recomendou os PPR sob a forma de fundo, adequados à faixa etária do "cliente mistério", mas tentou também vender um fundo que não era indicado.

A Caixa Geral de Depósitos tentou vender indiscriminadamente produtos complexos, uma prática seguida igualmente pelo Millenium BCP, que recomendou também produtos de capital garantido e baixo risco.

O Novo Banco apresentou "uma estratégia comercial bastante defensiva", propondo apenas produtos com capital garantido desadequados a uma poupança de longo prazo e o Santander Totta recomendou essencialmente depósitos em campanha, de curto prazo ou depósitos indexados para o médio prazo.

Face aos resultados, a Deco questiona se os funcionários estão mal informados sobre o tema da reforma e os produtos que estão a recomendar ou, "na pior das hipóteses têm de cumprir metas nas instituições onde trabalham", e pede mais atenção ao Banco de Portugal.

Lusa

  • Bruno de Carvalho manda SMS aos jogadores em nome dos jogadores. Confuso?

    Desporto

    De acordo com a imprensa desta manhã, o presidente do Sporting Clube de Portugal terá enviado mensagens escritas aos jogadores com o seguinte texto "Obrigado presidente pelas felicitações. Ainda temos muito para conquistar juntos" e assinou com o nome do jogador a quem enviou a mensagem. Uma aparente reação ao facto de nenhum dos jogadores ter respondido às mensagens escritas por Bruno de Carvalho, com incentivos e elogios antes e depois da vitória do Sporting frente ao Boavista.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • O 10 de julho de 1941 na escrita de João Pinto Coelho
    15:09
  • Governo promete melhorar condições de 26 mil famílias
    1:23

    País

    O ministro do Ambiente explicou esta terça-feira, no Parlamento, as novas medidas para a habitação: reduzir os impostos para arrendamentos longos, melhorar as condições de 26 mil famílias e introduzir o arrendamento vitalício para maiores de 65 anos. Este é um investimento que vai chegar aos 1700 milhões de euros.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31
  • Peixe-galo e batatas rosti, qual o cardápio do encontro entre os líderes das Coreias?

    Mundo

    O menu do encontro entre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e o Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, já foi dado a conhecer esta terça-feira. Através do site oficial do Governo, Seul anunciou um cardápio com vários pratos típicos da Península da Coreia, como dumplings ao vapor, arroz cultivado na Coreia, carne grelhada, salada fria com polvo, peixe-galo, batatas rosti e sopa fria.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17