sicnot

Perfil

Economia

Banco de Portugal deteta 4.096 notas contrafeitas no 1º semestre

O Banco de Portugal informou hoje que foram retiradas de circulação 4.096 notas contrafeitas de euro em Portugal durante o primeiro semestre deste ano, o que representou menos de 1% das notas contrafeitas detetadas na zona euro.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

Segundo o boletim semestral "Notas e Moedas", a nota de 20 euros foi a mais contrafeita neste período, tendo representado mais de metade (2.376) das notas retiradas de circulação em Portugal.

Esta tendência também se verificou no eurosistema, em que foram retiradas de circulação mais de 450 mil notas contrafeitas, das quais cerca de 250 mil eram de 20 euros. Em segundo lugar, tanto em Portugal como na zona euro, surgem as notas de 50 euros.

"As contrafações detetadas em circulação, durante o período em análise, são de qualidade regular e podem ser facilmente identificadas, recorrendo apenas a uma observação cuidada dos elementos de segurança da nota de euro, através da metodologia "Tocar - Observar - Inclinar", e sem necessidade de instrumentos auxiliares de verificação", adianta o Banco de Portugal.

Segundo o supervisor bancário, "sempre que se suspeite da genuinidade de uma nota, dever-se-á comparar nota suspeita com outra em que haja certeza da sua autenticidade, procurando sobretudo identificar eventuais diferenças".

No mesmo período, foram retiradas da circulação 1.735 moedas contrafeitas em Portugal, o que representa uma redução de cerca de 30% em comparação com o semestre anterior.

A moeda de dois euros, representando 73% do total das moedas apreendidas em circulação, continua a ser a mais contrafeita, revela a instituição.

O volume de moedas contrafeitas retiradas da circulação em Portugal representa cerca de 2,2% do total apurado no eurosistema.

Lusa

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • O Nokia 3310 está de volta
    1:16

    Economia

    A Nokia chegou a ser uma das maiores empresas do mundo devido ao fabrico de telemóveis. Caiu, mas acaba de fazer renascer um dos sucessos de vendas do início do milénio. O anúncio foi feito este domingo, em Barcelona.