sicnot

Perfil

Economia

Homem mais rico da China admite ligação a cunhado do Presidente chinês

O cunhado do Presidente chinês, Xi Jinping, detinha ações numa empresa controlada pelo homem mais rico do país, Wang Jianlin, segundo confirmou o último, após alegações de que vínculos políticos terão ajudado o grupo Wanda a expandir-se.

© Tyrone Siu / Reuters

A declaração de Wang surge numa altura em que a persistente campanha anticorrupção, lançada por Xi, em 2012, resultou na queda de dezenas de quadros dirigentes com a categoria de vice-ministro ou superior.

Uma empresa de investimento detida pelo cunhado de Xi, Deng Jiagui, comprou, em 2000, ações numa subsidiária da Wanda, que negoceia propriedade comercial, admitiu Wang em comunicado.

Deng terá depois vendido as ações "a um preço baixo", dois meses após a Wanda ter feito uma oferta pública inicial de milhares de milhões de dólares na bolsa de Hong Kong, em dezembro de 2014.

"Ele sacrificou a oportunidade de alcançar um grande retorno do investimento", disse Wang.

"Isto demonstra que o Presidente Xi não só é rigoroso a gerir o nosso país, mas é ainda mais escrupuloso no que toca a assuntos familiares".

Os comentários foram feitos na sequência da publicação de um artigo no jornal norte-americano New York Times, alegando que amigos e familiares dos líderes chineses investiram mais de mil milhões de dólares em propriedade comercial e companhias de cinema geridas pela Wanda.

Além de ser o homem mais rico da China, com uma fortuna avaliada em 24.200 milhões de dólares, Wang Jianlin é também membro do Partido Comunista Chinês.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    1:41
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.

  • A SIC visitou os bastidores do Santuário de Fátima
    7:43
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52