sicnot

Perfil

Economia

Pessoal de cabine da Lufthansa inicia greve na sexta-feira

O sindicato alemão do pessoal de cabine (UFO), em conflito com a administração da Lufthansa, confirmou hoje a convocação de uma greve a partir de sexta-feira ao meio-dia.

Greve na Lufthansa cancela todos os voos entre Frankfurt e Portugal.

Greve na Lufthansa cancela todos os voos entre Frankfurt e Portugal.

© Kai Pfaffenbach / Reuters

"O prazo fixado pelo UFO terminou às 17:00 sem qualquer resultado", anunciou o sindicato.

"Já não há qualquer opção que permita evitar a greve de amanhã [sexta-feira]" na Lufthansa, principal companhia aérea do grupo com o mesmo nome, declarou o presidente do sindicato, Nicoley Baublies, citado em comunicado.

O impacto desta greve nos voos é difícil de avaliar, mas a companhia e os sindicatos devem pronunciar-se na sexta-feira.

As negociações entre a transportadora aérea e o pessoal de bordo, iniciadas em 2013, dizem respeito a questões salariais, mas também à proteção contra despedimentos, abrangendo ainda matérias relativas a reformas e pré-reformas.

O sindicato, que representa cerca de 19 mil membros do pessoal de cabine da Lufthansa apresentou na segunda-feira um ultimato à administração, pedindo uma proposta melhor.

O ultimato expirou hoje às 17:00 locais (16:00 em Lisboa) e a greve deve prolongar-se até 13 de novembro, afetando apenas a Lufthansa e não as outras companhias do grupo (Germanwings, Swiss, Austrian).

A greve só começa ao meio-dia de sexta-feira (11:00 em Lisboa) dado que só agora foi anunciado o fracasso das negociações, indicou o sindicato.

A companhia aérea alemã tem enfrentado vários conflitos sociais. Os pilotos fizeram greve por 13 vezes entre abril de 2014 e setembro de 2015, levando ao cancelamento de milhares de voos.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.