sicnot

Perfil

Economia

Juros da dívida de Portugal descem a dois, a cinco e a dez anos

Os juros da dívida portuguesa estavam hoje a descer a dois, a cinco e a dez anos, em relação aos valores de segunda-feira.

(Lusa/ Arquivo)

Cerca das 09:15 de hoje em Lisboa, os juros da dívida portuguesa a dez anos estavam a cair para 2,791%, contra 2,821% segunda-feira e depois de terem subido até aos 3,253% a 15 de junho passado, um máximo desde meados de outubro de 2014.

O mínimo de sempre é de 1,560% e foi registado a 13 de março passado.

Os juros a cinco anos também estavam a descer, para 1,499%, contra 1,520% no fecho de segunda-feira, depois de terem atingido o máximo de 1,927% a 16 de junho passado e o mínimo de 0,749% a 10 de abril deste ano.

No mesmo sentido, no prazo de dois anos, os juros estavam a cair, para 0,264%, contra 0,287% na segunda-feira, depois de a 08 de julho terem batido o máximo, de 0,807%, desde outubro.

O mínimo de sempre dos juros a dois anos, de 0,013%, foi alcançado a 13 de abril passado.

Os juros de Espanha estavam a descer em todos os prazos, os da Irlanda a subir a dois anos e a descer a cinco e dez anos e os de Itália a cair em todos os prazos.

Em relação ao juros da Grécia, estavam a subir a dois anos e a cair a dez anos.

Juros da dívida soberana em Portugal, Grécia, Irlanda, Itália e Espanha cerca das 09:15:

2 anos... 5 anos... 10 anos

Portugal

10/11....0,264.....1,499....2,791

09/11....0,287.....1,520....2,821

Grécia

10/11......7,843....n disp....7,758

09/11......7,445....n disp....7,597

Irlanda

10/11......-0,198....0,269.....1,214

09/11......-0,195....0,288.....1,237

Itália

10/11......0,039.....0,532....1,701

09/11......0,062.....0,591....1,743

Espanha

10/11......0,039......1,506....1,903

09/11......0,048......1,520....1,954

Fonte: Bloomberg Valores de 'bid' (juros exigidos pelos investidores para comprarem dívida) que compara com fecho da última sessão.

  • Madonna diz que América nunca desceu tão baixo
    2:12

    Mundo

    No mundo artístico, foram várias as vozes que se levantaram contra Trump, entre elas Madonna. A cantora disse esta quinta-feira em Nova Iorque, a propósito do dia da tomada de posse, que nunca a América desceu tão baixo. Já o ator Matthew McConaughey - que está em Londres - garantiu que não ia perder a cerimónia pela televisão.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Videoclipe mostra mulheres a fazer tudo o que é proibido na Arábia Saudita
    1:55

    Mundo

    Um grupo de mulheres canta, dança e faz outras coisas proibidas na Arábia Saudita como forma de protesto. O vídeo é uma crítica social à forma como as mulheres islâmicas são tratadas pelos maridos. Na letra constam frases como "Faz com que os homens desapareçam da terra" e "Eles provocam-nos doenças psicológicas". A ideia partiu de um homem, Majed al-Esa e já conta com 5 milhões de visualizações.

    Patrícia Almeida