sicnot

Perfil

Economia

Efromovich desiste de contestar privatização da TAP

NOTÍCIA SIC

German Efromovich desistiu de contestar a privatização da TAP. A SIC apurou que o empresário deu ordem aos advogados em Lisboa para suspenderem todas as ações que contestam a venda a Humberto Pedrosa e David Neeleman.

(Arquivo)

(Arquivo)

© John Vizcaino / Reuters

Num documento a que a SIC teve acesso, os advogados dizem que "independentemente da nossa razão, Efromovich não tenciona desenvolver quaisquer diligências neste processo", e renuncia a tudo o que já foi feito.

O empresário já tinha começado a impugnar este processo, junto da Comissão Europeia e da Autoridade Nacional da Aviação Civil, por defender que havia ilegalidades na entrega da TAP ao consórcio Atlantic Gateway.

Contudo, ao que a SIC apurou, o empresário não quer ter qualquer responsabilidade no agravamento das contas da TAP. Essa impugnação cai agora por terra e há menos uma voz contra a venda da TAP.

  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • Esquerda contra a venda do Novo Banco
    1:51

    Economia

    O futuro do Novo Banco promete agitar a maioria de esquerda nas próximas semanas. O Bloco de Esquerda e o PCP estão contra os planos de privatização e insistem que a solução é nacionalizar o banco. O Bloco de Esquerda defende que privatizar 75% é o pior de dois mundos. Já o PCP diz que o banco deve ser integrado no setor público.

  • Identificadas 10 mil vítimas de violência em 2016
    1:32

    País

    Há cada vez mais homens e idosos a pedirem ajuda à Associação Portuguesa de Apoio à Vítima. Segundo o relatório anual da APAV conhecido esta segunda-feira, foram identificadas quase 10 mil vítimas de violência no ano passado. Cerca de 80% são mulheres casadas e com cerca de 50 anos.