sicnot

Perfil

Economia

BCE apela aos bancos para serem prudentes nas gratificações e distribuição de dividendos

A presidente do conselho de supervisão do Banco Central Europeu (BCE), Daniéle Nouy, apelou aos bancos da zona euro para serem "prudentes" na adoção das políticas de gratificações e de distribuição de dividendos.

A sede do BCE, em Frankfurt, Alemanha.

A sede do BCE, em Frankfurt, Alemanha.

© Ralph Orlowski / Reuters

Numa carta dirigida à direção das entidades bancárias, publicada no 'site' do banco central, Nouy sublinha que "o BCE dá especial atenção às políticas de remuneração e de distribuição de dividendos das instituições financeiras sujeitas à sua supervisão e, em particular, à repercussão que as referidas políticas podem ter na manutenção de bases de capital sólidas".

"Como a política de distribuição de dividendos, a política de remuneração variável de uma entidade pode afetar notavelmente a sua base de capital", adianta Nouy na carta.

"O BCE sublinha a necessidade de se adotar uma perspetiva prudente e de futuro quando for decidida a política de remunerações de cada banco e insta os responsáveis das entidades a examinar devidamente a possível repercussão negativa da política de remunerações na manutenção de uma base de capital sólida", adianta.

Nouy sublinha a necessidade de ter em conta os requisitos transitórios da regulamentação e diretiva da União Europeia de 2013.

Por isso, "quando determinar a remuneração variável que deve ser atribuída conforme a política de remunerações da sua entidade, incluindo os mecanismos de ajustamento e reintegração de remunerações, o BCE recomenda-lhe aplicar medidas coerentes com uma trajetória conservadora - pelo menos linear - face à plena implementação dos seus requisitos de capital", refere Nouy na carta.

Mesmo assim, a presidente do conselho de supervisão do BCE pede aos responsáveis dos bancos para que a mantenham informada sobre qualquer decisão relativa à sua política de remunerações.

Lusa

  • Primeiro-ministro hoje na cidade da Praia 

    País

    O primeiro-ministro, António Costa, está hoje em Cabo Verde para a a IV cimeira bilateral entre Portugal e aquele país africano, aproveitando a passagem pela cidade da Praia para inaugurar a escola portuguesa.

  • Deputados britânicos debatem hoje petição que desvaloriza visita de Donald Trump

    Mundo

    Os deputados britânicos debatem hoje uma petição que reclama que a futura visita de Estado do Presidente norte-americano, Donald Trump, seja reduzida a uma visita oficial, enquanto dezenas de milhares de pessoas se manifestam sobre o mesmo assunto. Dezenas de milhares de pessoas são esperadas hoje nas ruas de várias cidades do Reino Unido, em protestos organizados para coincidir com a discussão no parlamento (na Câmara dos Comuns) de uma petição 'online' que já tem quase dois milhões de subscritores.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Matteo Renzi demite-se da liderança do Partido Democrático

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro italiano Matteo Renzi demitiu-se hoje da liderança do Partido Democrata (PD), uma decisão que faz parte de uma estratégia para retomar o controlo da formação de centro-esquerda, onde uma minoria mais à esquerda ameaça cindir-se.