sicnot

Perfil

Economia

Taxas aeroportuárias aumentam hoje em Lisboa e no Porto

As taxas aeroportuárias aumentam hoje 5,38% no aeroporto de Lisboa e 1,90% no aeroporto do Porto, decorrente de um crescimento do tráfego acima do previsto, segundo a ANA - Aeroportos de Portugal.

Segundo a empresa liderada por Ponce de Leão, que desde o início de 2013 está nas mãos do grupo francês Vinci, este ajustamento tarifário resulta de um aumento do tráfego nestes dois aeroportos acima do previsto em 2014, um desvio de 4,6% na Portela e de 9,2% no aeroporto Francisco Sá Carneiro.

"O tráfego acumulado à data de 31 de maio é superior ao previsto em 2014 e as perspetivas de evolução para o verão IATA indiciam um desempenho no segundo semestre que irá acentuar ainda mais esta tendência", lê-se na decisão da gestora aeroportuária.

Ainda assim, a ANA esclarece que este aumento é "apenas uma recuperação parcial" do desvio, correspondente a 36% do desvio apurado em Lisboa e 8,36% no Porto.

"Esta decisão tarifária está em linha com o já ocorrido em 2014 e evitará avolumar o valor das taxas não cobradas às companhias aéreas, a recuperar dois anos mais tarde, e promove uma evolução tarifária mais estável das taxas entre 2015 e 2016, ao mesmo tempo que mantém suficiente margem de segurança para absorver, caso ocorra, qualquer abrandamento no ritmo de crescimento de tráfego daqueles aeroportos", acrescenta.

A 01 de janeiro, haverá um novo aumento das taxas reguladas nos aeroportos portugueses, que se traduz numa subida média anual de 2,82%, sendo 4,44% em Lisboa, 1,41% no Porto, 0,73% nos Açores e 0,89% em Faro. Já no aeroporto da Madeira, as taxas sofrerão uma redução de 1,02% no próximo ano, sendo o único em que se verifica uma descida.

Em termos absolutos, o aumento da receita regulada por passageiro é em média de 27 cêntimos na rede ANA, oscilando entre cinco cêntimos nos Açores e os 46 cêntimos em Lisboa, o acréscimo mais relevante.

Lusa

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Guterres apela à Coreia do Norte para cumprir resoluções

    Mundo

    O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, apelou este sábado ao ministro do Exterior da Coreia do Norte, Ri Yong Ho, para o cumprimento das resoluções que o Conselho de Segurança impôs ao país em resposta à sua escalada armada.

  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.