sicnot

Perfil

Economia

Moody's baixa nota da Petrobras e alerta para perspetiva de maiores cortes

A Moody's baixou, esta quarta-feira, o 'rating' da petrolífera estatal brasileira Petrobras, que passou de Ba2 para Ba3 (ambos considerados especulativos) e alertou para a perspetiva de uma maior revisão em baixa no futuro.

Reuters

Reuters

REUTERS

"Estas ações de qualificação refletem os altos riscos de refinanciamento da Petrobras numa altura de deterioração das condições da indústria que fazem com que seja mais difícil alcançar liquidez mediante a venda de ativos", indicou a agência de notação financeira norte-americana em comunicado.

Além disso, a Moody's apontou que na revisão em baixa da nota também influiu o anúncio, esta quarta-feira, pela propria agência de que pode vir a cortar mais a qualificação de crédito do Brasil, como consequência da abertura do processo de destituição contra a Presidente brasileira, Dilma Rousseff.

"O início do processo de destituição contra a Presidente no início de dezembro causa mais dúvidas na perspetiva de cooperação entre o Congresso e a presidência para a aprovação de importantes medidas de consolidação fiscal para 2016", assinala a agência.

A Moody's foi a primeira das três grandes agências de qualificação de risco a colocar a Petrobras no nível conhecido como "lixo", o que pode levar muitos fundos de investimento conservadores a desfazerem-se das suas ações na empresa.

A Petrobras, a maior empresa do Brasil e responsavel por cerca de 12% do Produto Interno Bruto (PIB), figura no centro de uma investigação sobre uma rede de corrupção que, segundo as suspeitas, opera desde a década de 1990 e desviou uma soma, ainda não especificada, mas estimada em milhares de milhões de dólares.

Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.