sicnot

Perfil

Economia

Presidente do grupo Fosun controla mais de 10 mil milhões de euros em ações

O presidente do grupo chinês Fosun, detentor de várias empresas em Portugal e que foi hoje dado como incontactável na China, controla indiretamente mais de 10 mil milhões de euros nas praças financeiras chinesas, segundo a imprensa local.

© Bobby Yip / Reuters

De acordo com os media chineses, Guo Guangchang controla indiretamente 77 mil milhões de yuan em ações na China.

Proprietário de 58% dos títulos da Fosun International, um dos maiores grupos privados da China, com interesses nos setores turismo, saúde, farmácia, imobiliário e aço, Guo controla seis empresas na China e é acionista em outras 12.

Segundo a revista norte-americana Forbes, é o 11.º homem mais rico da China.

Em Portugal, o grupo detém a seguradora Fidelidade e a Espírito Santo Saúde, reconvertida em Luz Saúde, e uma participação de 5,3% na REN. Foi ainda um dos candidatos à compra do Novo Banco, até as negociações terem sido suspensas pelo Banco de Portugal.

A imprensa chinesa avançou que o multimilionário foi detido pelas autoridades e que se desconhece se está a ser investigado ou a prestar assistência numa investigação.

Guo foi, alegadamente, detido à chegada a Xangai num voo proveniente de Hong Kong, escreve a agência oficial chinesa Xinhua.

Contactada hoje pela agência Lusa, fonte da empresa limitou-se a responder que o grupo vai manter informados os meios de comunicação social à medida que houver novidades.

Num comunicado publicado no 'site' oficial do Fosun e assinado pelo vice-presidente Liang Xinjun, a empresa informa que suspendeu temporariamente as negociações nas bolsas de Xangai, Hong Kong e Shenzhen, devido a "informações suscetíveis de influenciar o mercado".

Fosun, em chinês diz-se Fu Xing, evocando o local onde os quatro fundadores do grupo se formaram, no final da década de 1980 (a Universidade Fudan, em Xangai). O segundo caráter ("Xing") significa estrela.

No último ano, segundo os dados compilados pela agência Bloomberg até julho, o gigante empresarial, dono do Club Mediterranee, anunciou 10 aquisições num total de 6,4 mil milhões de dólares (5,6 mil milhões de euros).

Lusa

  • Constitucional chumba algumas normas da lei de barrigas de aluguer

    País

    O Tribunal Constitucional chumbou algumas normas do acórdão sobre as barrigas de aluguer. De acordo com o Expresso, a decisão já foi comunicada à Assembleia da República. A obrigatoriedade da regulamentação da lei ser feita pelo Parlamento e não pelo Governo terá sido unânime.

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • A história do bebé que continua a lutar pela vida depois do tribunal ter desligado as máquinas

    Mundo

    Alfie Evans sofre de uma doença cerebral degenerativa. A sua condição levou o caso à justiça e, depois de uma batalha judicial entre os pais e o hospital, os juízes determinaram que as máquinas do suporte artificial de vida fossem desligadas. Apesar de os aparelhos terem sido desligados na segunda-feira à noite, segundo os pais, a criança de 23 meses continua a lutar pela vida, respirando sozinha.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17
  • O recado de Donald Trump à Coreia do Norte 

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Donald Trump, exortou Pyongyang a eliminar todo o seu arsenal nuclear, precisando o que queria dizer exatamente ao apelar para a "desnuclearização" do regime totalitário, antes de uma aguardada cimeira com o líder norte-coreano.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31