sicnot

Perfil

Economia

Sindicatos esperam conhecer hoje impacto da reestruturação do Novo Banco

Os principais sindicatos do setor financeiro esperam conhecer hoje os planos do Novo Banco para os trabalhadores da instituição, no âmbito da reestruturação que vai ser levada a cabo.

Entre os nove bancos analisados, o Novo Banco foi o que teve pior desempenho, com rácio de capital de 2,4% e insuficiências de capital de 1.398 milhões de euros. (Arquivo)

Entre os nove bancos analisados, o Novo Banco foi o que teve pior desempenho, com rácio de capital de 2,4% e insuficiências de capital de 1.398 milhões de euros. (Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

A reunião entre os dirigentes sindicais e o presidente do Novo Banco, Stock da Cunha, está marcada para as 10:00 na sede do Novo Banco, em Lisboa.

O encontro esteve marcado para a passada quinta-feira, mas foi adiado, com o banqueiro a justificar o adiamento com "situações inesperadas" .

Em setembro, depois de ter sido suspensa a venda do Novo Banco, o Banco de Portugal encarregou a administração da instituição financeira de delinear um plano de reestruturação.

Apesar de ainda não ser conhecida publicamente, os sindicatos temem que essa reestruturação implique o encerramento de balcões e a redução substancial dos cerca de 7.000 trabalhadores do banco.

Lusa

  • Oceanário de Lisboa dá formação sobre impacto da acumulação de plásticos nos oceanos
    2:37
  • Trump e Netanyahu discutiram "ameaças que o Irão coloca"

    Mundo

    O novo Presidente norte-americano, Donald Trump, e o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, debateram "as ameaças que o Irão coloca" e concordaram que a paz israelo-palestiniana só pode ser "negociada diretamente", anunciou este domingo a Casa Branca.