sicnot

Perfil

Economia

Mais de 105 mil pessoas perderam direito aos Rendimento Social de Iinserção em 4 anos

Mais de 105 mil pessoas perderam o direito a receber o Rendimento Social de Inserção (RSI) nos últimos quatro anos, havendo atualmente mais de 206 mil beneficiários, segundo dados do Instituto de Segurança Social (ISS) hoje divulgados.

(Arquivo)

(Arquivo)

Os dados da Segurança Social, que não eram atualizados desde julho na sua página da internet, referem que em novembro 206.163 pessoas recebiam o RSI, menos 150 face ao mês anterior (-0,07%) e menos 232 relativamente ao mês homólogo de 2014 (-0,11%).

Comparando com novembro de 2011, verifica-se uma quebra de 51% no número de beneficiários que beneficiam desta prestação social.

De acordo com a informação disponível na página da internet do ISS, com dados atualizados a 16 de dezembro, em novembro de 2011 havia 311.333 pessoas com direito a RSI, mais 105.170 beneficiários do que em novembro deste ano.

A maior parte dos beneficiários reside no distrito do Porto (60.151), seguido do distrito de Lisboa (36.616), dos Açores (17.865) e do distrito de Setúbal (17.472).

Segundo a Segurança Social, o número de famílias com direito ao RSI baixou 26,1% nos últimos quatro anos, passando de 117.465 em novembro de 2011, para 93.132 em novembro deste ano.

Face ao mês de outubro, menos 78 famílias beneficiaram desta prestação social em novembro (-0.08%). Relativamente ao mês homólogo do ano anterior, essa quebra foi de 3,4%, o que se traduziu em menos 3.216 famílias a receberem RSI.

As famílias estão maioritariamente concentradas nos distritos do Porto (27.333), Lisboa (18.873) e Setúbal (8.015) e nos Açores (6.186).

O valor médio recebido por cada beneficiário em novembro fixou-se nos 94,74 euros e por família em 214,04 euros.

Lusa

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições. Apesar de ter dito que se iria demitir, Florival Cardoso continua em funções.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de três armas da PSP, recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avança hoje que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Casal português com protesto semelhante ao do filme "Três Cartazes à Beira da Estrada"
    3:23
  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07