sicnot

Perfil

Economia

Novos donos da TAP não aceitam reverter o negócio

Novos donos da TAP não aceitam reverter o negócio

Os novos donos da TAP não aceitam reverter o negócio e perder o controlo da companhia para o Estado. O aviso claro foi dado ao Governo esta quinta-feira, numa reunião com o ministro do Planeamento. David Neeleman e Humberto Pedrosa contrariam assim as intenções do primeiro-ministro, que garantiu esta quarta-feira que a maioria do capital voltaria para a esfera pública.

  • Ministro das Infraestruturas confirma negociações com novos acionistas da TAP
    0:13

    Economia

    O Governo já começou a negociar com os novos acionistas da TAP para reverter o processo de privatização. A confirmação foi dada hoje no primeiro ato público do novo ministro do Planeamento e das Infrastruturas, Pedro Marques. O Governo quer voltar a ser acionista maioritário na companhia. O acordo de venda foi assinado pelo anterior Governo a 12 de novembro, 14 dias antes do Executivo de António Costa tomar posse.

  • "Ainda é impossível prever os resultados da TAP deste ano"

    Economia

    O presidente da TAP diz que ainda é impossível prever os resultados da empresa deste ano. Em entrevista ao Diário Económico, Fernando Pinto diz que ainda há muitas contas por fazer mas reconhece que 2015 não foi um ano bom para a companhia aérea. Isto sem confirmar se a TAP terá prejuízos.

  • 10 Minutos com Eurico Reis
    11:20

    10 Minutos

    Há quatro meses que Portugal é um dos poucos países europeus onde é possível recorrer à gestação de substituição. E há já um casal que teve luz verde para começar os tratamentos. Para um balanço, foi nosso convidado Eurico Reis, juiz desembargador e presidente do Conselho Nacional de Procriação Medicamente Assistida, a entidade que autoriza os processos de gestação de substituição.

    Entrevista completa

  • Parlamento discute utilização de animais no circo
    2:01
  • Seis meses depois da tragédia de Pedrógão Grande
    5:55

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Assinalou-se este domingo meio ano desde que o país ficou em choque com o rasto de morte e destruição causado pelos incêndios florestais na região centro. A tragédia de Pedrogão Grande foi há precisamente seis meses. Enquanto segue a reconstrução no tempo possível e com o Natal à porta, a vida prossegue, mas não voltará a ser mesma.

  • A inédita entrevista do príncipe Harry a Barack Obama
    0:47

    Mundo

    Foi divulgado um vídeo pouco habitual em que aparece o príncipe Harry a entrevistar Barack Obama para um programa de rádio. A conversa foi gravada em setembro, durante um evento desportivo para militares com deficiência, e será transmitida na íntegra no dia 27 de dezembro.