sicnot

Perfil

Economia

Novos donos da TAP não aceitam reverter o negócio

Novos donos da TAP não aceitam reverter o negócio

Os novos donos da TAP não aceitam reverter o negócio e perder o controlo da companhia para o Estado. O aviso claro foi dado ao Governo esta quinta-feira, numa reunião com o ministro do Planeamento. David Neeleman e Humberto Pedrosa contrariam assim as intenções do primeiro-ministro, que garantiu esta quarta-feira que a maioria do capital voltaria para a esfera pública.

  • Ministro das Infraestruturas confirma negociações com novos acionistas da TAP
    0:13

    Economia

    O Governo já começou a negociar com os novos acionistas da TAP para reverter o processo de privatização. A confirmação foi dada hoje no primeiro ato público do novo ministro do Planeamento e das Infrastruturas, Pedro Marques. O Governo quer voltar a ser acionista maioritário na companhia. O acordo de venda foi assinado pelo anterior Governo a 12 de novembro, 14 dias antes do Executivo de António Costa tomar posse.

  • "Ainda é impossível prever os resultados da TAP deste ano"

    Economia

    O presidente da TAP diz que ainda é impossível prever os resultados da empresa deste ano. Em entrevista ao Diário Económico, Fernando Pinto diz que ainda há muitas contas por fazer mas reconhece que 2015 não foi um ano bom para a companhia aérea. Isto sem confirmar se a TAP terá prejuízos.

  • Passos Coelho pede desculpa aos portugueses
    3:35
  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.

  • Glifosato na lista de produtos cancerígenos na Califórnia

    Mundo

    O estado norte-americano da Califórnia, nos Estados unidos, pode vir a obrigar o fabricante do popular herbicida Roundup a comercializar o produto com um rótulo que informe os consumidores de que o produto é cancerígeno. O glifosato, princípio ativo do herbicida Roundup fabricado pela Monsanto, consta de uma lista que vai ser divulgada na Califórnia, a 7 de julho, de produtos químicos potencialmente cancerígenos.