sicnot

Perfil

Economia

Produtores e distribuidores reunidos para debater crise do leite e suinicultura

O gabinete de crise criado para debater soluções conjuntas entre produtores e distribuidores para os setores do leite e da suinicultura reuniu hoje pela primeira vez, sob mediação do ministro da Agricultura, Capoulas Santos.

Capoulas Santos, ministro da Agricultura.

Capoulas Santos, ministro da Agricultura.

Manuel Almeida

No final do encontro, o ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Regional, Capoulas Santos, destacou que são dois setores "que atravessam grandes dificuldades, principalmente ao longo dos últimos meses, ou cerca de um ano no caso do leite, que se caracteriza por um baixo preço pago aos produtores, incluindo um custo abaixo do preço de produção, o que torna a atividade insustentável".

Neste sentido, o objetivo destes encontros, que hoje se iniciaram, será "trabalhar todas as variáveis da formação do preço ao longo da cadeia de valor, no sentido de que todos ganhem e que não haja uma desproporção entre os ganhos".

"Não faz sentido que ganhe mais quem está no ponto intermédio da cadeia, ou quem está no final a cadeia, em detrimento de quem está no princípio da cadeia", declarou Capoulas Santos.

No encontro, de acordo com o ministro, foram alcançados alguns compromissos.

"Por exemplo, a identificação clara da carne ou do leite com origem portuguesa. Os consumidores portugueses preferem sempre produtos portugueses. Muitas vezes, infelizmente, não podem adquiri-los, porque a identificação não existe ou está muito dissimulada. Portanto, houve um compromisso claro de todas as fileiras para que esse problema possa ser melhorado", destacou.

Os encontros entre produtores, transformadores e cadeias de distribuição final vão continuar e estão previstos também encontros bilaterais.

Além do ministério, fazem parte do gabinete de Crise dos Setores do Leite e da Suinicultura a Associação Nacional dos Industriais de Laticínios (ANIL), a Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED), a Associação Portuguesa dos Industriais de Carne (APIC), a Agricultores de Portugal (CAP), a Confederação Nacional da Agricultura (CNA), a Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas (CONFAGRI) e a Federação Portuguesa de Associações de Suinicultores (FPAS).

Lusa

  • Alemães protestam contra a Extrema-Direita
    0:39
  • Incêndio urbano em Coimbra deixa cinco pessoas desalojadas

    País

    Um incêndio numa habitação na cidade de Coimbra deixou este domingo cinco pessoas desalojadas, disse à agência Lusa fonte dos Bombeiros Sapadores. Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Coimbra adiantou que o fogo destruiu uma parte substancial de um edifício de três andares em frente à sede da Associação Académica de Coimbra, na rua Padre António Vieira.