sicnot

Perfil

Economia

Contribuintes portugueses devem mais de 6500 milhões ao Fisco

Os contribuintes portugueses devem mais de 6500 milhões de euros ao Fisco. De acordo com dados do Ministério das Finanças, esta dívida abrange obrigações que ainda estão dentro do prazo como outras que já estão a ser executadas.

Metade do valor, cerca de 3 mil milhões de euros, são de empresas que estão em processo de falência. (Arquivo)

Metade do valor, cerca de 3 mil milhões de euros, são de empresas que estão em processo de falência. (Arquivo)

SIC

Metade do valor, cerca de 3 mil milhões de euros, são de empresas que estão em processo de falência.

O bastonário da Ordem dos Técnicos Oficiais de Contas, Domingues Azevedo, diz mesmo que vai ser muito difícil o Estado conseguir recuperar este dinheiro.

  • Fisco obriga funcionários a justificar acesso a dados dos contribuintes
    1:44

    Economia

    Os funcionários do Fisco vão ter regras mais apertadas já a partir da próxima segunda-feira. Entra em vigor um novo mecanismo informático que obriga os trabalhadores a justificarem a razão da consulta dos dados dos contribuintes. Um novo plano de segurança para evitar acessos indevidos aos dados fiscais depois da polémica sobre a lista VIP.

  • Mais de 10 casas penhoradas por dia
    1:08

    Economia

    O número de penhoras feitas pelo fisco tem vindo a aumentar. Desde janeiro, o Estado tirou aos portugueses em falta mais de 3.300 casas. São mais de 10 por dia. Os contribuintes entregam acima de tudo imóveis, carros e rendimentos para acertar as dívidas.

  • Novo dia de protestos contra expropriações na ilha do Farol
    2:30

    País

    A sociedade Polis Ria Formosa concluiu a tomada de posse das construções identificadas como ilegais na ilha do Farol, na Ria Formosa, em Faro. No segundo dia da operação, sob fortes protestos da população, os técnicos da Polis, escoltados pela Polícia Marítima, expropriaram hoje mais 18 construções.

  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.

  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira