sicnot

Perfil

Economia

Banco Mundial prevê crescimento económico global de 2,9% em 2016

O Banco Mundial começa o ano novo mais pessimista, prevendo que a economia mundial tenha crescido 2,4% em 2015 e que avance 2,9% em 2016, menos 0,4 pontos percentuais do que tinha antecipado no verão.

No relatório Perspetivas Económicas Globais, de janeiro de 2016, divulgado hoje, o Banco Mundial afirma que o "fraco crescimento verificado entre as economias emergentes vai pesar no crescimento mundial em 2016, mas a atividade económica deve recuperar modestamente para um ritmo de crescimento de 2,9%, depois de um crescimento de 2,4% em 2015, com as economias desenvolvidas a ganhar força".

As previsões para os dois anos estão 0,4 pontos percentuais abaixo do que a instituição tinha previsto em junho, quando divulgou o relatório Perspetivas Económicas Globais de junho de 2015.

O Banco Mundial estima que as economias desenvolvidas tenham crescido 1,6% em 2015 e que avancem 2,1% este ano, com os Estados Unidos e o Reino Unido a subirem mais de 2% em 2016.

A instituição estima que os países da moeda única europeia tenham crescido 1,5% em 2015 e que apresentem um crescimento económico de 1,7% em 2016.

A Rússia contribui negativamente para o crescimento das economias desenvolvidas, caindo 3,8% em 2015 e 0,7% em 2016.

No entanto, o Banco Mundial está preocupado com a "fraqueza simultânea da maioria dos mercados emergentes" e com o impacto que um crescimento económico fraco possa ter na redução da pobreza.

"Mais de 40% dos pobres a nível mundial vivem nos países em desenvolvimento, onde o crescimento económico abrandou em 2015", afirma o presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim.

A instituição com sede em Washington estima que as economias em desenvolvimento tenham crescido 4,3% em 2015 e que venham a avançar 4,8% em 2016, salientando "as grandes disparidades" entre os países deste grupo.

Por exemplo, a economia da Índia deverá encabeçar as que mais crescem em 2016, ao avançar 7,8% ano, já o Brasil será o único a entrar em recessão este ano, contraindo-se 2,5%.

Para o vice-presidente e economista-chefe do Banco Mundial, Kaushik Basu, "uma combinação de políticas orçamentais e monetárias pode ajudar a mitigar riscos e a apoiar o crescimento".

Lusa

  • Tudo isto circula na internet. Nada disto é verdade
    3:12
  • Peso dos salários na economia diminuiu
    2:34

    Economia

    Portugal é dos países onde o peso dos salários na economia mais diminuiu. Ou seja, os salários portugueses foram dos mais encolheram com a crise. A conclusão é da Organização Internacional do Trabalho que sublinha as implicações negativas ao nível social e económico.

  • Inaugurado Ikea de Loulé
    3:51

    Economia

    Centenas de pessoas aguardavam à porta do Ikea de Loulé para a inauguração da nova loja no Algarve, uma semana depois do acidente que matou uma trabalhadora. A cerimónia decorreu de forma sóbria, ainda que com alguma pompa e circunstância.

  • Descoberta nova espécie de tiranossauro

    Mundo

    Uma nova espécie de dinossauros predadores, um tiranossauro com uma forma incomum de evolução, foi descoberta por uma equipa internacional de cientistas, segundo um artigo científico hoje publicado pela revista Nature.