sicnot

Perfil

Economia

Governo aprova nova tabela de retenção na fonte da sobretaxa de IRS

O Governo aprovou a nova tabela de retenção na fonte da sobretaxa de IRS que será aplicada este ano. O despacho foi assinado hoje pelo secretário de Estado dos Assuntos Fiscais.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

Num comunicado, o Ministério das Finanças ilustra com exemplos concretos as reduções que se vão sentir face ao ano passado e que se aplicam aos trabalhadores dependentes e pensionistas.

CLIQUE PARA VER OS EXEMPLOS

De acordo com o Governo, um contribuinte solteiro com um rendimento mensal de 790 euros deixará de reter na fonte qualquer montante por conta da sobretaxa, quando no ano passado retinha 4,5 euros. Tem por isso, uma redução de 100% face a 2015.

Já no caso de um contribuinte casado, único titular, com rendimento de 4 mil euros, a poupança mensal rondará os 36 euros.

Em termos percentuais, a descida é maior para os escalões mais baixos e menor para os mais elevados.

  • Rui Vitória não espera facilidades frente ao Tondela
    1:34

    Desporto

    O líder do campeonato, o Benfica, recebe este domingo o último classificado, o Tondela. Na conferência de antevisão do encontro, Rui Vitória afirmou que não espera facilidades. O treinador do Benfica falou ainda de Sebastian Coates.

  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.