sicnot

Perfil

Economia

General Electric vai eliminar 6.500 empregos na Europa

A empresa norte-americana General Electric (GE) anunciou hoje que vai suprimir 6.500 empregos na Europa, 1.700 dos quais na Alemanha, 1.300 na Suíça e 765 em França.

URS FLUEELER/ EPA

"O plano de reestruturação afeta vários países europeus e pode ter impacto em 6.500 empregos dos 35.000" provenientes da aquisição das atividades de energia do grupo francês Alstom em novembro de 2015, declarou um porta-voz da empresa à France Presse, justificando as medidas com um mercado difícil.

No total, a GE tem 51 mil trabalhadores no setor da energia na Europa.

A reestruturação vai afetar também países não europeus, mas o grupo não confirmou a eliminação de cerca de 10 mil postos de trabalho em todo o mundo, um número avançado pelos sindicatos.

Cerca de 1.700 postos de trabalho serão eliminados na Alemanha e 1.300 na Suíça onde, segundo um comunicado da GE, "a reestruturação tem por objetivo corrigir os pontos fracos de competitividade em antigos domínios de atividade da Alstom".

Em relação a França, a reestruturação deve atingir 765 pessoas em perto de 9.000 da Alstom. Segundo o porta-voz, o grupo norte-americano mantém o seu compromisso de criar mil postos de trabalho.

"Nunca escondemos que as funções de apoio iam ser afetadas", acrescentou o porta-voz da GE.

"As consultas com os conselhos de empresa vão arrancar hoje e o processo vai prolongar-se por dois anos", disse o porta-voz, explicando que a eliminação de empregos será feita essencialmente com recurso a saídas voluntárias.

Após um longo processo de conversações, a multinacional norte-americana finalizou em novembro passado a compra do polo de energia da Alstom.

Lusa

  • "O Governo elegeu o PSD e o CDS-PP como uma espécie de forças do mal"
    1:06

    País

    Pedro Passos Coelho diz que seja quem for o próximo líder do PSD, dificilmente o "radicalismo" do Governo vai permitir que exista diálogo. Depois de António Costa ter dito que a relação com o PSD vai melhorar com a futura liderança, foi a vez de Passos afirmar que foi o Governo que encarou sempre a oposição como uma "força do mal".

  • Morreu o jornalista Pedro Rolo Duarte

    País

    Morreu Pedro Rolo Duarte. O jornalista tinha 53 anos e não resistiu a um cancro. Pedro Rolo Duarte estava internado nos cuidados paliativos do Hospital da Luz, em Lisboa. Trabalhou em imprensa, na rádio e na televisão.

  • Panorama BBC revela e analisa documentos dos Paradise Papers
    2:22

    Mundo

    Depois dos Panama Papers chegaram os Paradise Papers, documentos revelados e analisados por dezenas de órgãos de imprensa mundial. Esta noite, na SIC Notícias, o Panorama BBC revela e analisa documentos relacionados com este processo.

    Hoje na SIC Notícias