sicnot

Perfil

Economia

Dívida pública deverá ficar acima dos 129% do PIB

O Conselho de Finanças Públicas (CFP) estimou hoje que a dívida pública portuguesa em 2015 seja superior à previsão do Governo e antecipa que se tenha fixado "acima dos 129% do PIB" no final do ano passado.

© Dado Ruvic / Reuters

No seu relatório "Evolução económica e orçamental até ao final do 3.º trimestre e perspetivas para 2015", hoje publicado, o CFP escreve que "o rácio da dívida pública deverá terminar o ano acima da estimativa do Ministério das Finanças" do anterior Governo, que apontava para os 124,4% no Programa de Estabilidade e que foi revista em alta para os 125,2% do PIB na segunda notificação no âmbito do Procedimento dos Défices Excessivos. O Governo de António Costa, por sua vez, previu que a dívida ficaria nos 128,2% do PIB em 2015.

No entanto, a instituição liderada por Teodora Cardoso conclui que, para reduzir a dívida para os 124,2% do PIB, isso "implicaria uma redução de cerca de 6,3 pontos percentuais do PIB no último trimestre" e que, "para alcançar o objetivo nominal traçado pelo Ministério das Finanças, o 'stock' da dívida deveria ter-se reduzido em 2,7 mil milhões de euros ao longo de 2015, o que não se veio a verificar até final de novembro".

Nos primeiros onze meses do ano passado, o valor nominal de dívida pública "foi sempre superior ao valor registado no final de 2014", tendo atingido em novembro 231,3 mil milhões de euros, recorda o CFP.

O organismo acrescenta que, de acordo com a informação disponível, se espera que "o efeito conjugado das operações ocorridas no mês de dezembro [a medida de resolução do Banif], não tenha permitido alcançar aquela meta".

Por isso, o CFP prevê que "o rácio da dívida pública tenha ultrapassado a meta do Ministério das Finanças, fixando-se acima de 129% do PIB", um desvio cuja dimensão resultará do 'stock' de dívida verificado e do nível do PIB nominal de 2015.

A dívida pública na ótica de Maastricht subiu para os 130,5% em setembro, um aumento de 1,9 pontos percentuais do PIB face ao registado em junho, ainda que tenha ficado abaixo do verificado em setembro de 2014 (altura em que a dívida atingiu os 132,3% do PIB).

Quanto à dívida líquida de depósitos da administração central, esta aumentou 900 milhões de euros até setembro, para os 212,6 mil milhões de euros, o equivalente a 119,6% do PIB.

O CFP refere que "os depósitos tiveram um acréscimo de 26% face ao trimestre anterior, tendo atingido 19,3 mil milhões de euros" em setembro do ano passado, e que, "ao contrário do que aconteceu no trimestre anterior em que se verificou uma utilização expressiva de depósitos, neste período, existiu um reforço dos depósitos, correspondente essencialmente ao valor das OT [Obrigações do Tesouro] emitidas".

Lusa

  • O dia em que Marcelo apitou um jogo de futebol

    País

    Habituado a ajuizar os momentos de tensão entre Governo e oposição, Marcelo Rebelo de Sousa foi esta quarta-feira árbitro, literalmente. Tudo aconteceu num jogo de futebol entre crianças, durante a visita do Presidente da República a São Tomé e Príncipe.

  • Dia de homenagens e muito futebol para Marcelo em São Tomé
    3:01

    País

    No segundo dia da visita de Estado a São Tomé e Príncipe, o Presidente da República prestou homenagem às vítimas do massacre de Batepá, em 1953. Marcelo Rebelo de Sousa não pediu desculpa pela história, mas lembrou que é preciso assumir as coisas menos boas do passado. O dia terminou com o Presidente a mostrar que ainda está em forma.

    Enviados SIC

  • Débito direto: não deixe que lhe tirem centenas de euros da conta
    7:11
  • Mais de 300 mortos em bombardeamentos de Bashar a Ghouta
    3:08

    Mundo

    Nos últimos três dias morreram mais de 300 civis, incluindo crianças, em Ghouta Oriental, na Síria. Alemanha e França exigem uma trégua imediata para que sejam retirados os civis, e António Guterres pede um cessar fogo de um mês. Alertamos para a violência de algumas imagens.

  • Imprensa espanhola considera Rúben Semedo a pior contratação de sempre do Villarreal
    3:35

    Desporto

    Rúben Semedo vai esta quinta-feira ser ouvido por um juiz de instrução, que vai ditar as medidas de coação no caso em que o jogador é suspeito de roubo, agressões e posse ilegal de arma. O defesa português do Villarreal passa mais uma noite nas instalações da Guardia Civil, em Valência. Alguns media espanhóis chamam-lhe agora a pior contratação de sempre da história do clube.

    Enviados SIC

  • Patinadora enfrenta "pesadelo" nos Olímpicos

    Desporto

    A patinadora Gabriella Papadakis enfrentou na segunda-feira um dos "piores pesadelos" da sua vida, durante a estreia nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Pyeongchang, na Coreia do Sul. Durante a apresentação, a parte de cima do vestido da francesa saiu do lugar e revelou parte do seu seio. Mas este não foi o único caso de incidentes com figurinos. Também a sul-coreana Yura Min quase ficou despida durante a sua apresentação.

    SIC

  • Novos protestos na Florida contra a lei das armas
    2:12
  • Pigcasso, a porca pintora que tem uma galeria de arte

    Mundo

    O nome sugere o talento da artista que vive na Cidade do Cabo, na África do Sul. Pigcasso estava prestes a morrer, quando foi resgatada por uma ativista que a ajudou a enveredar pelo caminho da pintura. Desde pequena começou a pegar em pincéis e agora é o primeiro animal do mundo com uma galeria de arte, onde já lançou a sua primeira exposição intitulada 'Oink!'.