sicnot

Perfil

Economia

Petróleo da OPEP nos 23,58 dólares atinge valor mais baixo desde abril de 2003

O petróleo de referência da OPEP cotou-se na segunda-feira a 23,58 dólares, menos 4,6% do que na véspera e o valor mais baixo desde abril de 2003, informou hoje em Viena a organização.

Com esta sexta depreciação diária consecutiva, a cotação da Organização de Países Exportadores de Petróleo (OPEP) acumula uma perda de 25% desde o início do ano.

Com o mercado já sobre abastecido há meses, a prevista chegada de mais petróleo iraniano, uma vez levantadas as sanções que limitavam a sua exportação, está ainda a empurrar mais os preços para baixo.

A cotação do petróleo da OPEP já está perto da margem mínima denominada "banda de preços", que o grupo utilizou como referência até 2003, e que fixava o preço entre 22 e 28 dólares.

A OPEP manteve este sistema aplicando o simples mecanismo de aumentar as extrações se a cotação superasse o limite máximo e diminuir se esta se situasse abaixo do limite mínimo.

A "banda de preços" perdeu sentido com a subida do preço do petróleo, que começou em 2003 e teve um ponto máximo em julho de 2008, quando o preço do barril da OPEP subiu até ao máximo histórico de 140,73 dólares.

Os preços do grupo petrolífero referem-se ao barril de referência da OPEP, que se baseia numa mistura de 12 qualidades de petróleo dos Estados-membros da OPEP e é um valor nominal, ou seja, não inclui a inflação.

O baixo nível dos preços deve-se ao excesso de oferta, com o qual a Arábia Saudita, "peso pesado" da OPEP, pretende "expulsar" produtores alternativos de petróleo mais caro, sobretudo nos Estados Unidos.

A este fator junta-se a perspetiva de um aumento a curto prazo das exportações petrolíferas do Irão depois do levantamento das sanções internacionais contra aquele país, no âmbito do acordo nuclear acordado em julho último.

A queda dos preços do petróleo agudizou-se no princípio de dezembro de 2015, depois de os ministros da OPEP não terem conseguido chegar a um acordo em relação a um 'plafond' conjunto de produção, apesar do excesso de oferta no mercado.

Este excesso de oferta de petróleo ocorreu numa altura em que os países emergentes, especialmente a China, reduziram as estimativas de crescimento económico e de consumo de energia.

Neste contexto, analistas de alguns bancos de investimento, como o Goldman Sachs, não afastam a hipótese de que a atual tendência possa afundar a cotação do petróleo até aos 20 dólares.

As últimas previsões da OPEP apontam para que o preço do barril de petróleo comece a recuperar este ano, depois da brutal queda de 2015 para os níveis mais baixos da última década, e suba até aos 80 dólares em 2020, e para os 160 dólares em 2040.

Este cálculo da OPEP consta do relatório Previsões Mundiais do Petróleo 2015 e foi feito com base numa estimativa de que a economia mundial cresça entre 3,5% e 3,7% no período entre 2016 e 2020, e entre 3,6% e 3,3% nas duas décadas seguintes

  • E agora?
    15:07

    Reportagem Especial

    Há uma semana, Portugal voltou a ser palco de uma tragédia que matou pelo menos 44 pessoas e deixou cerca de 70 feridas. Os incêndios destruíram mais de 800 casas, dezenas de empresas e explorações agropecuárias, mataram milhares de animais e consumiram uma gigantesca área de floresta. A reportagem da SIC andou pelo concelho de Tondela, onde três pessoas morreram e o levantamento de prejuízos ainda não está fechado.

  • "Sinto-me como quem leva uma sova monumental"
    0:30
  • Temperaturas vão subir até 4ª feira

    País

    As temperaturas vão subir até esta quarta-feira, prevendo-se máximas entre os 22 e os 29 graus na generalidade do território, valores acima do normal para a época do ano, adiantou hoje a meteorologista Maria João Frada.

  • "Não compreendi absolutamente nada a substituição do Casillas"
    1:58
    Play-Off

    Play-Off

    DOMINGO 22:00

    Os guarda-redes de FC Porto e Benfica estão neste momento em destaque depois de José Sá ter assumido a baliza dos dragões em detrimento de Iker Casillas. Nas águias, Svilar repetiu a titularidade frente ao Desportivo das Aves. Os comentadores do programa Play-Off Rodolfo Rei, Rui Santos, João Alves e Manuel Fernandes analisaram as duas situações.

  • Famílias afetadas pelos fogos começam a receber bens de primeira necessidade
    2:30
  • Equipa responsável por renovação da Proteção Civil ainda não é conhecida
    2:45

    País

    A constituição da unidade de missão que deverá entrar esta segunda-feira em funções para concretizar a reforma dos sistemas de prevenção e combate a incêndios ainda não é conhecida. A equipa de trabalho anunciada por António Costa será responsável por pôr de pé o novo sistema de Proteção Civil, aprovado no Conselho de Ministros extraordinário de sábado.

  • "Quero unir o PSD depois de o clarificar"
    1:17
  • Quem são os lesados do BES?
    4:52