sicnot

Perfil

Economia

Cancelada greve na CP Carga marcada para quinta-feira

A Federação de Sindicatos de Transportes (Fectrans) anunciou esta segunda-feira que foi cancelada a greve na CP Carga convocada para quinta-feira, para contestar a privatização da empresa, entretanto concretizada, mantendo-se contudo o protesto agendado para o mesmo dia.

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

Tendo em conta que na passada quarta-feira foi formalizada a venda de 95% da transportadora ferroviária de mercadorias ao grupo suíço MSC, o Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor Ferroviário decidiu suspender a greve, porque "o conflito laboral não é com o atual patrão", e manter a ação de protesto na forma de cordão humano.

"O ministro cedeu no sentido contrário dos interesses da ferrovia e do País, pelo que desde o passado dia 20 mudou-se o estatuto jurídico da CP Carga que agora é uma empresa privada", constata em comunicado a Fectrans (CGTP-IN).

O Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor Ferroviário convocou a greve na CP Carga para dia 28 de janeiro, para os trabalhadores poderem participar numa ação de luta contra a privatização da empresa de transporte de mercadorias.

A concentração dos trabalhadores começa às 10:30 em frente à sede da CP Carga, na Avenida da República, seguindo-se depois a deslocação até ao Tribunal de Contas e, por fim, ao Ministério do Planeamento e Infraestruturas (que tem a tutela da empresa de transporte ferroviário), na presidência do Conselho de Ministros, na rua Gomes Teixeira.

O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, afirmou na semana passada que o Governo não equacionou a reversão do processo de privatização da CP Carga, realçando que a empresa de transporte de mercadorias tem acumulado défices operacionais.

"A situação [da CP Carga] era de manutenção de défices operacionais e seria uma realidade se não fosse feita qualquer evolução futura", afirmou o governante na comissão de Economia, no dia em que foi concluída a venda de 95% do capital da CP Carga à operadora ferroviária suíça MSC.

Lusa

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.

  • Mouchão da Póvoa em risco de desaparecer
    1:58

    País

    A Câmara Municipal de Vila Franca de Xira alerta para o risco de desaparecimento do Mouchão da Póvoa, uma dos três mouchões do Tejo, no concelho. Em causa está a falta de autorização, pedida à Agência Portuguesa do Ambiente, para uma intervenção de emergência nos diques.

  • Lixo, para que te quero?
    23:17
  • Tuk-tuk em protesto oferecem hoje passeios gratuitos em Lisboa

    País

    A Associação Portuguesa de Empresas de Congressos, Animação Turística e Eventos (APECATE) promove hoje a iniciativa "Cá vai Lisboa", com passeios gratuitos de tuk-tuk, para alertar a população para a "problemática" regulamentação municipal deste tipo de veículos.

  • Ricardo Robles apresentado como candidato do BE a Lisboa
    1:31

    Autárquicas 2017

    Ricardo Robles foi formalmente apresentado este sábado como candidato do Bloco de Esquerda à Câmara Municipal de Lisboa. No encerramento da convenção autárquica do partido, Catarina Martins fez críticas ao Governo, dizendo que o projeto de descentralização do Executivo é perigoso e ameaça a democracia.