sicnot

Perfil

Economia

Cancelada greve na CP Carga marcada para quinta-feira

A Federação de Sindicatos de Transportes (Fectrans) anunciou esta segunda-feira que foi cancelada a greve na CP Carga convocada para quinta-feira, para contestar a privatização da empresa, entretanto concretizada, mantendo-se contudo o protesto agendado para o mesmo dia.

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

Tendo em conta que na passada quarta-feira foi formalizada a venda de 95% da transportadora ferroviária de mercadorias ao grupo suíço MSC, o Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor Ferroviário decidiu suspender a greve, porque "o conflito laboral não é com o atual patrão", e manter a ação de protesto na forma de cordão humano.

"O ministro cedeu no sentido contrário dos interesses da ferrovia e do País, pelo que desde o passado dia 20 mudou-se o estatuto jurídico da CP Carga que agora é uma empresa privada", constata em comunicado a Fectrans (CGTP-IN).

O Sindicato Nacional dos Trabalhadores do Setor Ferroviário convocou a greve na CP Carga para dia 28 de janeiro, para os trabalhadores poderem participar numa ação de luta contra a privatização da empresa de transporte de mercadorias.

A concentração dos trabalhadores começa às 10:30 em frente à sede da CP Carga, na Avenida da República, seguindo-se depois a deslocação até ao Tribunal de Contas e, por fim, ao Ministério do Planeamento e Infraestruturas (que tem a tutela da empresa de transporte ferroviário), na presidência do Conselho de Ministros, na rua Gomes Teixeira.

O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, afirmou na semana passada que o Governo não equacionou a reversão do processo de privatização da CP Carga, realçando que a empresa de transporte de mercadorias tem acumulado défices operacionais.

"A situação [da CP Carga] era de manutenção de défices operacionais e seria uma realidade se não fosse feita qualquer evolução futura", afirmou o governante na comissão de Economia, no dia em que foi concluída a venda de 95% do capital da CP Carga à operadora ferroviária suíça MSC.

Lusa

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02
  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.