sicnot

Perfil

Economia

Galp Energia lucra 639 milhões de euros em 2015

O Galp Energia obteve em 2015 um resultado líquido ajustado de 639 milhões de euros, um aumento de 71,5% face aos 373 milhões alcançados no período homólogo de 2014, anunciou hoje a empresa.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Rafael Marchante / Reuters

"O resultado líquido 'replacement cost' ajustado da Galp Energia foi de €639 milhões, refletindo a melhoria das margens de refinação na Europa, o aumento da produção de petróleo e gás e o crescimento da comercialização de gás natural nos mercados europeus", refere a petrolífera portuguesa numa comunicação enviada hoje ao mercado.

Na nota enviada para a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Galp Energia sublinha que os resultados alcançados em 2015 foram impulsionados pelo "aumento de 82% na produção de petróleo e gás natural no Brasil" e pela "recuperação das margens de refinação europeias".

A petrolífera informa que a produção total (working interest) de petróleo e gás natural aumentou 50% em 2015, para 45,8 mil barris de óleo equivalente por dia (mboepd)".

Quanto à produção 'net entitlement', que "contribui de forma mais direta para os resultados", a Galp Energia refere que aumentou 60%.

"As vendas de gás natural atingiram os 7.665 milhões de metros cúbicos (Mm3), em linha com 2014", acrescenta o texto.

O EBITDA (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização" consolidado do grupo totalizou 1.564 milhões de euros numa base 'replacement cost ajustado' (RCA)", prossegue o documento.

Na comunicação feita esta manhã ao mercado, relativa aos resultados de 2015, a Galp Energia sublinha ainda o "investimento de 1.283 milhões de euros, dos quais 86% se destinaram a atividades de exploração e produção, nomeadamente a construção de unidades FPSO e o desenvolvimento dos campos Lula/Iracema, no Brasil, e bloco 32 em Angola".

A dívida líquida situou-se em 1.699 milhões de euros no final de 2015, refere ainda a empresa.

Lusa

  • Galp Energia aumenta produção de petróleo no último trimestre de 2015
    1:22

    Economia

    A Galp Energia aumentou em 4,2% as matérias-primas processadas no quarto trimestre de 2015, de acordo com os dados provisórios hoje divulgados pela petrolífera portuguesa. As vendas de produtos petrolíferos, por sua vez, subiram 0,5%, segundo os dados hoje divulgados à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários. . Segundo o jornalista do Expresso Miguel Pardo foram estas altas margens que permitiram equilibrar as perdas na produção, com a descida dos preços.

  • Aeroporto Cristiano Ronaldo? Nem todos os madeirenses estão de acordo
    2:21
  • Fatura da água a dobrar
    2:26

    Economia

    Desde o início do ano que a população de Celorico de Basto está a receber duas faturas da água para pagar. Tanto a Câmara como a Águas do Norte reclamam o direito a cobrar pelo serviço. Contactada pela SIC, a Entidade Reguladora esclarece que o município não pode emitir faturas e tem de devolver o dinheiro.

  • Vala comum com 6 mil corpos em Mossul
    1:43

    Daesh

    Há suspeitas de que o Daesh tenha criado uma vala comum com cerca de seis mil corpos a sul de Mossul, no Iraque. A área em redor estará minada. A revelação é de uma equipa de reportagem da televisão britânica Sky News.

  • A menina que os pais queriam chamar "Allah"

    Mundo

    ZalyKha Graceful Lorraina Allah tem 22 meses, anda não sabe ler nem escrever mas já está no centro de um processo judicial contra o Estado da Georgia, nos EUA. Os pais, Elizabeth Handy e Bilal Walk, apoiados por uma ONG, exigem na justiça que o nome seja reconhecido na certidão de nascimento para que a criança possa ser inscrita na escola, na segurança social ou nos registos e notoriado. O casal já tem um filho de 3 anos que se chama Masterful Mosirah Aly Allah.