sicnot

Perfil

Economia

Capoulas Santos quer reduzir oferta nos setores do leite e suinicultura

O ministro da Agricultura, Capoulas Santos, debateu hoje com os homólogos da União Europeia (UE) possíveis soluções para reduzir a oferta nos setores da suinicultura e do leite, defendendo a redução da oferta.

Capoulas Santos, ministro da Agricultura.

Capoulas Santos, ministro da Agricultura.

Manuel Almeida

O ministro salientou que, no imediato, há que "reduzir a oferta sem destruir o aparelho produtivo" nos setores da suinicultura e do leite.

Para tal, defendeu, a necessidade de "subsidiar a alimentação, quer das porcas reprodutoras, quer das vacas durante um certo período, e no caso das porcas sem fertilização para que não haja novos leitões que ao fim de seis meses venham a ser novos porcos adultos capazes de abater e, no setor do leite, a mesma coisa.

"Estamos a enunciar soluções e as soluções têm várias graduações e vários períodos de aplicação e em função deles têm várias quantificações", disse o ministro, adiantando que a reunião de hoje se destinou a identificar possíveis soluções, que estarão na agenda do próximo Conselho de Ministros da Agricultura da UE, em março.

Luís Capoulas Santos elogiou o esforço "notável" do comissário europeu para a Agricultura, Phil Hogan, em procurar novos mercados para resolver o excesso de oferta nos setores do leite e da suinicultura.

Hogan esteve na semana passada na Colômbia e no México, tendo levado na comitiva produtores da UE, incluindo portugueses do setor da suinicultura e da vinicultura.

Um membro da Federação Portuguesa das Associações de Suinicultores (FPAS) foi à Colômbia e ao México e um representante da Federação Nacional das Adegas Cooperativas de Portugal, Fenadegas, acompanhou apenas a visita ao México.

Para este ano, a Comissão Europeia dispõe de uma verba de 111 milhões de euros para promoção de produtos agrícolas da UE no mercado interno e externo.

A escolha dos participantes que se candidataram a integrar esta primeira visita foi feita com o objetivo de haver um equilíbrio entre países e setores de produção, especificou ainda o comissário, salientando que a suinicultura e os laticínios enfrentam problemas de conjuntura, com um excesso de oferta no mercado interno que faz baixar os preços ao produtor.

Em abril estão previstas visitas à China e ao Japão e no final do ano ao Vietname e à Indonésia.

Lusa

  • O encontro emocionado de Marcelo com a mãe de uma das vítimas dos fogos
    0:30
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Depois de sair da autoestrada o vidro do carro ainda estava a ferver"
    2:01
  • "O fogo chegou de repente. Foi um demónio"
    2:15
  • O desabafo de um empresário que perdeu "uma vida inteira de trabalho" no fogo
    2:08
  • O testemunho emocionado de quem perdeu quase tudo
    2:10
  • As comunicações entre operacionais no combate às chamas em Viseu
    2:27
  • Houve "erros defensivos que normalmente a equipa não comete"
    0:38

    Desporto

    No final do jogo, quando questionado sobre a ausência de Casillas no onze do FC Porto, Sérgio Conceição referiu que a equipa apresentada era aquela que lhe oferecia garantias. Quanto ao jogo, o treinador portista reconheceu que a equipa cometeu vários erros defensivos.

  • "Cometemos erros e há que tentar corrigi-los"
    0:41

    Desporto

    No final do jogo em Leipzig, Iván Marcano desvalorizou a ausência de Iker Casillas e entendeu que o facto de o guarda-redes ter ficado no banco não teve impacto na equipa. Já sobre o jogo, o central espanhol garantiu que não correu da forma como os jogadores esperavam.

  • Norte-americana foi à discoteca e tornou-se princesa

    Mundo

    A história de Ariana Austin é quase como um conto de fadas moderno. A jovem vai até ao baile, onde conhece o seu príncipe. Só que a norte-americana foi a uma discoteca e, na altura, não sabia que Joel Makonnen era na verdade um príncipe da Etiópia e que casaria com ele 12 anos depois, tornando-se também ela numa princesa.