sicnot

Perfil

Economia

Secretário de Estado reúne-se quinta-feira com sindicatos da TAP

O secretário de Estado das Infraestruturas recebe na quinta-feira os três sindicatos da TAP que recusaram assinar o acordo com o anterior Governo para a privatização da empresa, com os impactos da venda a marcarem o encontro.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Paulo Whitaker / Reuters

Guilherme W. d'Oliveira Martins recebe na quinta-feira os sindicatos da TAP que ao longo do processo de privatização se recusaram a assinar um acordo com o Governo de então: SITAVA (trabalhadores da aviação e aeroportos), SINTAC (trabalhadores da aviação civil) e SNPVAC (pessoal de voo).

O encontro foi pedido pelos três sindicatos quando o Governo liderado por António Costa tomou posse e em cima da mesa estará "a privatização da TAP em geral".

No entanto, Nuno Fonseca, dirigente do SNPVAC, destacou três temas que, até por estarem na ordem do dia, vão estar no centro da discussão: o futuro da Portugália, a base do Porto e a entrega dos voos dados à OMNI.

Em suma, resumiu Nuno Fonseca, "o que vai acontecer à TAP" é o mote do encontro, até porque "o consórcio Gateway não terá o capital necessário" para investir na empresa, "uma preocupação" que o SNPVAC apresentava "desde o início".

Em cima da mesa deverá estar também o acordo recentemente alcançado entre o Governo e o consórcio Gateway.

Segundo disse fonte do setor à agência Lusa, haverá mais encontros entre o Governo e representantes dos trabalhadores da TAP na sexta-feira.

Já na quarta-feira, o primeiro-ministro, António Costa, recebe em audiência o presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, e o ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, reúne-se com a Associação Peço a Palavra.

O acordo alcançado entre o Governo e a Gateway prevê que o Estado pague 1,9 milhões de euros para ficar com 50% da empresa (em vez de 34%), enquanto o consórcio privado passe de 61% do capital da companhia para 45%, podendo chegar aos 50%, com a aquisição do capital à disposição dos trabalhadores.

O Estado passa ainda a nomear o presidente do conselho de administração da companhia aérea, composto por 12 elementos - seis escolhidos pelo Estado e seis pelo consórcio privado. Já a comissão executiva, liderada por Fernando Pinto, terá três membros, nomeados pelos acionistas privados.

O semanário Expresso noticiou na sua edição de sábado que o "Governo deixa entrar chineses no capital da TAP", sublinhando que o executivo de António Costa "assinou cláusula" para a HNA ter 10% da empresa.

Sobre este assunto, o ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, considerou na segunda-feira que o "espanto" ou a "surpresa" sobre a eventual entrada de capital chinês na TAP não tem razão de ser e adiantou que comentou o assunto no parlamento.

Por outro lado, o presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, tem criticado a estratégia da TAP para o Porto e admitiu vir a "apelar ao boicote da região" à transportadora, acusando-a de ter em curso uma estratégia para "destruir o aeroporto Francisco Sá Carneiro", com vista a construir em Lisboa "um novo aeroporto e uma nova ponte".

Hoje, Rui Moreira reuniu-se com o diretor de rotas da Ryanair para solucionar as rotas abandonadas pela TAP de Barcelona, Milão, Bruxelas e Roma, e a companhia aérea 'low-cost' anunciou também hoje, em conferência de imprensa, voos adicionais a partir do Porto para Barcelona, Milão e Bruxelas, as rotas que foram suspensas pela TAP, e Madrid, bem como uma nova ligação para Varsóvia (Polónia) a partir de outubro.

A TAP reiterou que as quatro rotas europeias canceladas a partir do Porto representavam um prejuízo de 8,02 milhões de euros, mas a 03 de fevereiro a Câmara afirmou que as ligações tiveram em 2015 uma "ocupação média de 90%", representando "o transporte de perto de 190 mil passageiros, em 1.867 voos de ida e volta".

Lusa

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Gémeas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC