sicnot

Perfil

Economia

Portugal emite até 1.000 M€ em dívida de curto prazo

Portugal regressa hoje aos mercados com duas emissões de Bilhetes do Tesouro, uma a três e outra 11 a meses, com o objetivo de arrecadar até 1.000 milhões de euros.

Segundo a informação divulgada pela Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP), os leilões de dívida de curto prazo serão realizados pelas 10:30 (hora de Lisboa) e terão como maturidades 20 de maio de 2016 e 20 de janeiro de 2017, respetivamente.

Com estas duas emissões, a agência liderada por Cristina Casalinho pretende encaixar um montante indicativo global entre os 750 e os 1.000 milhões de euros.

A última emissão de BT a 11 meses foi realizada em dezembro e, na altura, o IGCP colocou no mercado 750 milhões de euros, tendo conseguido uma taxa média de juro de 0,030%.

Também a emissão mais recente de BT a três meses foi em dezembro do ano passado, tendo o IGCP colocado no mercado 248 milhões de euros a uma taxa de juro média de -0,023%

Lusa

  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02