sicnot

Perfil

Economia

Fernando Pinto chamado de urgência à ANAC

O presidente executivo da TAP, Fernando Pinto, foi chamado de urgência à Autoridade Nacional de Aviação Civil, dois dias depois de ter sido anunciada a decisão do regulador sobre o processo de privatização da companhia aérea. Esta sexta-feira, a ANAC impôs um período de três meses de gestão corrente ao chumbar processo de privatização. A reunião com Fernando Pinto está marcada para as 15:30.

Fernando Pinto, presidente executivo da TAP. (Arquivo)

Fernando Pinto, presidente executivo da TAP. (Arquivo)

Lusa

A reunião vai servir para dar explicações sobre o dinheiro de investidores chineses na transportadora aérea.
O encontro acontece três dias depois de se saber que a ANAC bloqueou o processo de privatização da TAP, lançado pelo anterior governo.

A ANAC tem dúvidas sobre quem manda na companhia aérea. A empresa vai estar três meses limitada a atos de gestão corrente.

  • Atacantes de Barcelona "não estão a caminho da nossa fronteira"
    7:00

    Ataque em Barcelona

    O diretor da Unidade Nacional de Contraterrorismo da Polícia Judiciária esteve esta sexta-feira no Jornal da Noite para falar sobre o duplo atentado em Espanha. Luís Neves diz que o nível de ameaça em Portugal, perante os ataques, não foi alterado porque "não se detectou que tenha existido informação que possa colocar o nosso território em perigo".